Arcon apreende veículos de transporte clandestino e multa embarcações por falta de segurança, no PA

image_pdfimage_print

Ação de verão da Arcon multou veículos superlotados que faziam o trajeto Igarapé Miri – Cametá.
Arcon apreende veículos de transporte clandestino e multa embarcações por falta de segurança, no PA Arcon apreende veículos de transporte clandestino e multa embarcações por falta de segurança, no PA

Durante o mês de julho, a Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon-PA) lavrou 423 autos de infração e apreendeu sete veículos, sendo três clandestinos nas estradas do Pará, segundo balanço parcial divulgado nesta quarta-feira (19).

Entre as 15 localidades com agentes da Arcon-PA, os locais de maior passagem de veranistas foram na barreira da Polícia Rodoviária Federal de Apeú, em Castanhal, e nos municípios de Capanema, Salinas e Bragança, representando um terço do volume de abordagens realizadas. As equipes de fiscalização trabalham em parceria com as Polícias Rodoviárias Federal (PRF) e Estadual (PRE) e da Polícia Militar do Estado (PM).

No Terminal Hidroviário de Belém, foram aplicadas duas multas para a mesma empresa, uma por falta de limpeza na embarcação e pelo mau acondicionamento dos coletes, outra por falta de tripulantes.

Os agentes do modal hidroviário estiveram presentes também nos portos Arapari/Jarumã, Henvil, Açaí Biruta – onde foram aplicadas duas multas – e na travessia entre Igarapé Miri e Cametá – com quatro multas aplicadas por excesso de lotação no setor rodoviário. A localidade com maior trânsito de pessoas foi a travessia Igarapé Miri – Cametá, com cerca de 8 mil passageiros.

Em Santarém, as fiscalizações ocorrem em parceria com a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). Lá foram registradas cinco notificações: três empresas não possuem cadastro, uma embarcação não possui cadastro e uma empresa não possui autorização na Arcon-PA.

As fiscalizações do modal hidroviário têm o apoio da Capitania dos Portos, Companhia de Portos e Hidrovias do Estado do Pará (CPH), Grupamento Fluvial (Gflu), Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.

Fonte: G1 PA.
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro)   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: