Cantora é agredida pelo ex e irmãos atropelam suspeito

(Reprodução / Instagram e Facebook)-A mulher recebeu ameaças e foi agredida com um chute

A cantora Adriana Regina, da dupla sertaneja  Patrícia e Adriana, registrou uma denúncia que apanhou e teve o carro destruído pelo ex-namorado, de 29 anos, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Para defender Adriana, os irmãos dela foram cobrar a dívida pelo conserto do veículo e acabaram trocando agressões em frente à casa da mãe do suspeito.

O suposto agressor da cantora alega que foi prensado contra a parede por um carro dos familiares da artista.

O ex-namorado de Adriana informou que foi cortado com um golpe de facão e que sua mãe também foi ferida pelos irmãos da cantora. Como defesa, ele publicou uma foto com suas cicatrizes nas redes sociais.

Os fatos se deram no último dia 13, segundo o boletim de ocorrência registrado na Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher de Campo Grande. Mas o caso veio à público no final da última semana, após o acusado de agressão receber alta do pronto-socorro da Santa Casa da cidade, onde ficou internado por três dias.

A mulher conta que o ex a persegue há dois meses, quando ela decidiu romper o relacionamento de cerca de um ano por conta das crises de ciúmes dele.
Agressões

No dia citado, a cantora disse que o ex-namorado invadiu sua casa e vasculhou o local. Quando a viu, desferiu um chute contra ela. A mulher, então se trancou no banheiro e ligou para a polícia. Segundo ela, o acusado teria a ameaçado, quebrado o carro da cantora e ido embora.

O advogado de Adriana, Rafael Rodrigues, disse que no dia seguinte a cantora exigiu o ressarcimento dos danos causados pelo ex via mendagens pelo celular, mas o homem se negou a pagar e repetiu as ameaças.

Depois, os dois irmãos da sertaneja foram cobrar o valor. “Ele (o ex) já saiu da casa com um espeto de churrasco na mão”, disse o advogado. Um dos irmãos de Adriana, é jardineito e, por isso, anda com um facão em seu carro, justificou o advogado. “Ele deu o golpe para não machucar”, explicou.

O ex-namorado de Adriana tentou fugir correndo pela rua, mas foi perseguido pelo outro irmão da cantora, que teria o atropelado e prensado junto a um portão.

O acusado operou o cotovelo esquerdo e recebeu 12 pontos. A mãe dele ficou ferida com um corte na cabeça.

Investigadores da Deam já têm em mãos imagens de câmeras de seguranças de vizinhos da mãe do ex-namorado. Eles aguardam um parecer da Justiça sobre o pedido feito pela defesa de Adriana por uma medida protetiva.

Por:Redação Integrada com informações de UOL e Top Mídia News

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/

 




PRF apreende mais de 100 m³ de madeira ilegal em Dom Eliseu e Vitória do Xingu

(Foto:Reprodução)-Cargas foram apreendidas em três flagrantes diferentes

Uma grande quantidade de madeira ilegal foi apreendida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nos municípios de Dom Eliseu e Vitória do Xingu, nos dias 17 e 19 de agosto, com três flagrantes registrados, totalizando 100,25 m³ de madeira ilegal.  O primeiro flagrante ocorreu por volta das 03h do último sábado (17), quando os policiais em ronda em Dom Eliseu abordaram o caminhão de cor preta. Realizada a medição da carga, os policiais chegaram a um volume total de 41 m³. Quando questionado sobre os documentos obrigatórios para o transporte do produto, o caminhoneiro informou não possuir a guia florestal, tampouco a nota fiscal, configurando a ilegalidade do produto.

Na madrugada desta segunda-feira (19), por voltas das 3h, no km-685 da BR-230, a Transamazônica, que atravessa Vitória do Xingu, os policiais registraram mais um flagrante após abordar o caminhão de cor prata. Feita a medição da carga os agentes constataram que ali havia o volume total de 20,92 m³ e, em seguida, analisando os documentos apresentados pelo caminhoneiro e consultando nos sistemas internos, foi revelado que eram falsos.

Já o último flagrante, foi registrado por volta de 10h desta segunda-feira,  no-km 580 da BR-230, também em Vitória do Xingu, após abordagem ao caminhão Volvo, branco. Ao indagar o condutor sobre a proveniência da carga transportada, ele informou que a madeira era oriunda da cidade de Itaituba, com destino a João Pessoa na Paraíba. Foi realizada a medição da carga, chegando-se ao volume de 38,33 m³ de madeira serrada e, após uma minuciosa verificação nos documentos, foi constato que eram falsos, caracterizando crime ambiental.

Diante dos flagrantes de crime ambiental, os condutores dos caminhões foram detidos e liberados após a assinatura de Termo Circunstanciado de Ocorrência. Os veículos com as respectivas cargas foram apreendidos e disponibilizados ao órgão ambiental competente.

Por:O Liberal

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/

 




Idoso que teve foto usada sem autorização em memes ganha R$ 100 mil na Justiça

Foto de João Nunes Franco tirada nos 70 e usada em site (TV Goiás/Reprodução)

Foto antiga da vítima foi usada com frases depreciativas em site

Foram netos de João Nunes Franco, de 92 anos, que viram a foto do avô no perfil “Te Sento a Vara”, que tem mais de 4 milhões de seguidores. A foto era usada com frases como “Te sento a vara moleque baitola”, “É 8 ou 80…Mas se for 69 serve” e “A vida não tá fácil…mas eu tô”.

João entrou na Justiça e decisão obriga o dono do perfil a parar de usar a imagem e ainda pagar a indenização de R$ 100 mil. Mas ainda cabe recurso à decisão.

“Eu mesmo fiquei muito revoltado na época. Não tinha maneira como parar”, explica João. Já o proprietário do perfil, Henrique Soares da Rocha Miranda, afirma que acreditava que a imagem era de domínio público. “Não tive uma ciência, tipo: ‘Eu tenho que procurar alguém pra pedir autorização'”, disse Miranda, que continuou a usar sãs frases, mas agora com uma caricatura.

João tirou a foto quando tinha 50 anos, em 1977. Em 2012, cedeu a foto para uso em um blog chamado “Gente de Campo Alegre”, que relata histórias dos moradores da cidade goiana.

Por:Redação Integrada de O Liberal com informações do G1

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/

 




Corpo é desovado em área de bambuzal em Marabá

(Foto:Reprodução)0Vítima foi agredida com um golpe na nuca e foi encontrada nas primeiras horas da manhã

Um cadáver de um homem, que segue sem identificação, foi achado nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (19) em Marabá, sudeste do Estado, na área de bambuzais que compõem a entrada para o Núcleo da Velha Marabá.

Segundo o relato que foi registrado na Delegacia de Homicídios da Polícia Civil, os agentes foram informados da descoberta do corpo por volta de 7h. Chegando ao local, foi constatado que a vítima, que aparenta ter pelo menos 30 anos, foi morta com um golpe na nuca, ocasionado por um objeto contundente, ou seja, morto com uma pancada na parte posterior da cabeça.

Devido à pequena quantidade de sangue encontrada no local, a Polícia acredita que o corpo foi apenas “desovado”, abandonado naquele local. Pouco se sabe sobre o homem, a não ser que ele trajava uma calça jeans, camisa do tipo polo listrada azul com branco e um tênis preto. Levado ao prédio do Instituto Médico Legal (IML), o trabalho agora se concentra em identificar a vítima e os assassinos.

Por:O Liberal

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/

 




Médicos auxiliarão juízes em pedidos urgentes sobre remédios

(Foto:Reprodução)-A partir desta segunda-feira (19/8), os juízes podem contar com o auxílio de um grupo de médicos para analisar os pedidos urgentes sobre remédios. Com isso, os juízes poderão tomar decisões com mais celeridade e segurança.

O serviço é uma iniciativa conjunta do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), do Hospital Israelita Albert Einstein e do Ministério da Saúde. Conforme o provimento que regulamenta o serviço, ele funcionará sem interrupções, inclusive nos finais de semana.

Sempre que solicitados pelos juízes, os profissionais de saúde avaliarão os pedidos e fornecerão o respaldo técnico necessário para atestar se a demanda é de fato urgente. Em caso positivo, os especialistas verificarão, à luz do estado das ciências médicas, se é pertinente a Justiça conceder a medida solicitada pelo paciente (ou sua família).

A chamada medicina baseada em evidências é uma avaliação crítica que verifica a pertinência da adoção de um tratamento de acordo com os princípios da efetividade, eficácia, eficiência e segurança do medicamento ou do procedimento prescrito.

Com a consultoria técnica de profissionais de várias especialidades, o juiz terá lastro para tomar sua decisão. O serviço de apoio técnico estará à disposição dos magistrados dos tribunais de Justiça e dos tribunais regionais federais que se cadastrarem na plataforma do CNJ.

Todo parecer técnico sobre determinado pedido será armazenado na plataforma digital, batizada NAT-JUS Nacional, e ficará disponível para que outros magistrados possam consultar o documento na análise de casos semelhantes, no futuro.

Um serviço semelhante — o  e-NatJus — que já existe desde novembro de 2017, ainda não respondia a casos urgentes nem estava funcionando de forma a interligar todos os núcleos estaduais de apoio técnico aos magistrados em demandas médicas (NAT-JUS).

e-NatJus
O e-NatJus também foi disciplinado no mesmo provimento publicado nesta segunda-feira (19/8) pelo corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, que destacou que os magistrados federais e estaduais poderão solicitar apoio técnico ao Núcleo de Apoio Técnico do Judiciário (NAT-JUS) do seu estado ou ao NAT-JUS Nacional quando levados a decidirem sobre a concessão de determinado medicamento, procedimento ou produtos.

Esse apoio técnico, quando solicitado, deverá ser materializado por meio do e-NatJus, hospedado no site do Conselho Nacional de Justiça. Nas hipóteses em que o tribunal local já dispuser de um sistema próprio, o magistrado poderá solicitar, por meio do sistema do seu tribunal, sendo que emitido o parecer no caso concreto, o núcleo estadual (NAT-JUS) deverá alimentar a base de dados do e-NatJus, com suas respectivas notas técnicas. Com informações da assessoria de imprensa do CNJ.

Clique aqui para ler o Provimento CNJ 84/2019.

Fonte: Consultor Jurídico

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/

 

 




Homem e seu cachorro de estimação morrem ao serem atingidos por raio em Mãe do Rio

Manoel estava bebendo com amigos em um balneário quando caiu ao chão, morrendo no local-(Foto:Reprodução)

Um homem, identificado como Manoel Erivaldo Soares de Souza, de 40 anos, morreu ao ser atingido por um raio na tarde deste domingo (18), em Mãe do Rio, município nordeste paraense. Lamentavelmente, além da trágica morte do homem, seu cão de estimação também foi eletrocutado na mesma ocasião.

O acidente foi por volta de 16h em um balneário que fica no KM-43 da rodovia BR-010. Segundo um amigo de Manoel Erivaldo, era por volta de 16h15 quando eles estavam bebendo reunidos com um grupo de pessoas no balneário, quando se formou o popular “tempo de chuva”, e relâmpagos e trovões começaram a iluminar os céus.

De repente, Manoel, que estava perto de uma árvore, simplesmente caiu no chão ao ser atingido por uma descarga elétrica produzida por um raio, morrendo instantaneamente no local, como foi relatado pelo amigo que foi à delegacia prestar depoimento e diversas outras pessoas. O cachorro do homem, um vira-lata, também morreu por causa do choque.

Segundo o Instituto Médico Legal (IML) de Paragominas, o corpo do homem que era natural de São Domingos do Capim, chegou ao prédio por volta de 20h, e a eletroplessão, morte por descarga elétrica,  foi confirmada. O fato foi registrado como morte acidental na Delegacia de Polícia Civil de Mãe do Rio, vinculada à 7ª Região Integrada de Segurança Pública.
Por:O Liberal

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/

 




Gasolina fica com preço estável no Pará, segundo dados da ANP

(Foto:Igor Mota/Redação Integrada de O Liberal)-Produto apresentou avança em 15 estados e no DF; valor médio sobe 0,16% no País

O valor médio da gasolina vendido nos postos de combustível permaneceu estável no Pará e em Minas Gerais na semana passada, segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), compilados pelo AE-Taxas. O produto avançou em 15 estados brasileiros e no Distrito Federal.

Houve queda em outros nove estados. Na média nacional, o preço médio subiu 0,16% na semana sobre a anterior, de R$ 4,319 para R$ 4,326.

Em São Paulo, maior consumidor do País e com mais postos pesquisados, o litro da gasolina subiu 0,12%, de R$ 4,078 para R$ 4,083, em média.

No Rio de Janeiro, o combustível avançou 0,15%, de R$ 4,801 para R$ 4,808, em média.

Em Minas Gerais o preço médio da gasolina permaneceu em R$ 4,591 o litro.

Por:Redação Integrada com informações da Agência Estado

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/

 




Site do PSDB é hackeado e exibe foto de Dilma e Lula

(Foto:Reprodução)-Invasor apagou todo o conteúdo da página inicial e substituiu por imagens dos ex-presidentes

O site do PSDB foi hackeado na noite deste domingo, 18, por um invasor que se identifica como “rflh4xo3”.

O hacker apagou todo o conteúdo da página inicial e o substituiu por uma foto dos ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff. Logo abaixo da imagem, o invasor também escreveu uma frase: “o tempo passa, os dias ficam mais chatos e algumas pessoas mais ignorantes”.

Por meio do Twitter, o partido afirmou que o invasor se trata de um “militante da extrema esquerda desocupado”.

O PSDB retirou todo o conteúdo do site do ar. Essa não é a primeira vez que o partido sofre um ataque virtual. Em maio do ano passado, o site do PSDB Minas Gerais teve a homepage trocada por uma montagem de protesto contra o então presidente Michel Temer. Em outubro de 2015, o PSDB Minas também foi invadido

Por:Agência Estado

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/

 




Duas das cinco cidades com pior saneamento do Brasil estão no Pará

(Foto:Akira Onuma)-Belém também entra no ranking, mas como o 11º pior saneamento do país

O Instituto Trata Brasil divulgou, em parceria com a GO Associados, o novo Rankinkg de Saneamento Básico – 100 Maiores Cidades do Brasil. As informações, coletadas com base nos dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS) – ano base 2017, incluem, na análise, três cidades do Pará: Ananindeua, Santarém e Belém estão no ranking, mas como destaque negativo.

De acordo com o índice, Ananindeua é a segunda pior cidade do Brasil (99º colocação do ranking) no que tange ao saneamento básico. Santarém aparece como a quarta pior (97º colocação do ranking) e Belém como a décima primeira pior (90º colocação do ranking).

Os dados são divulgados todo ano pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, que reúne as informações fornecidas pelas empresas prestadoras dos serviços de água e esgoto dessas cidades. No caso das três cidades citadas, a Cosanpa (Companhia de Saneamento do Pará) é a operada de todas elas.

O Ranking do saneamento básico 2019 aborda os novos indicadores de água e esgotos e também apresenta dados sobre perdas de água, investimentos, operadoras e tarifa média das 100 maiores cidades do país. Veja na íntegra.

POSICIONAMENTO

Procurada pela Redação Integrada, a Cosanpa disse, por meio de nota oficial, que “a pesquisa foi realizada nos anos de 2017 e 2018 e demonstra a falta de investimentos dos governos passados, principalmente para esgotamento sanitário, prejudicando a população que tem direito a serviços essenciais. Para exemplificar, 13 obras estavam paradas há mais de 12 meses”.

Ainda de acordo com a operadora, “agora, obras de ampliação e melhoria do sistema de água e esgotamento sanitário estão em andamento em Belém, Ananindeua e Santarém, e em outros 10 municípios do Pará, que totalizam investimentos na faixa de R$ 1 bilhão”.

A Cosanpa também destaca que, recentemente, o Ministério do Desenvolvimento Regional aprovou mais cinco projetos, que somam R$ 82 milhões. “Novos investimentos estão sendo feitos para mudar essa realidade histórica do Pará e melhorar os índices de Saneamento no estado” conclui.

Por:Redação Integrada

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/

 




MEC estuda mudar distribuição de recursos para universidades federais

(Foto:Rafael Carvalho / Casa Civil da Presidência da República)-Ideia é dar mais dinheiro para quem tiver melhor desempenho em indicadores como governança, inovação e empregabilidade

O Ministério da Educação (MEC) estuda mudar a forma de distribuir os recursos para as 63 universidades federais. A ideia é dar mais dinheiro para quem tiver melhor desempenho em indicadores como governança, inovação e empregabilidade, entre outros.

Hoje o modelo de distribuição do orçamento é centrado no tamanho das universidades. Com isso, instituições maiores e com mais alunos, como a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), recebem fatia maior do orçamento, embora tenham desempenho pior que outras em indicadores como governança, por exemplo.

“Queremos tratar os diferentes de forma diferente”, afirmou ao jornal O Estado de S. Paulo o secretário de Educação Superior do MEC, Arnaldo Lima Junior. “Vamos começar a olhar desempenho, não só o tamanho das universidades. Hoje, a matriz do orçamento (para verbas discricionárias) é 90% tamanho e 10% qualidade”, acrescenta.

O governo pretende discutir a nova metodologia com os reitores das universidades. Segundo o secretário, as mudanças nos parâmetros não dependem de alteração na lei, mas somente de ajustes nas regras atuais.

“Não queremos fazer nenhuma ruptura, mas sim uma transição que aponte numa direção. Uma discussão de daqui cinco, dez anos, como queremos esses parâmetros lá na frente. Qual será a matriz orçamentária que balizará daqui dez anos? Até para as universidades maiores também terem incentivos para captar recursos”, afirmou.

Indicadores

O novo desenho de distribuição das verbas pode começar a ser implementado a partir de 2020, mas já neste ano os técnicos estudam usar um dos indicadores – o ranking de governança do Tribunal de Contas da União (TCU) – na hora de determinar quem terá prioridade no desbloqueio de recursos.

Dos R$ 6,9 bilhões de despesas discricionárias das universidades (aquelas que bancam despesas operacionais como conta de luz e serviços de limpeza), R$ 3,2 bilhões estão bloqueados. O governo tem buscado novas fontes de receita para conseguir aliviar ao menos parte do aperto orçamentário a que os órgãos estão submetidos.

Na última edição do ranking do TCU, de 2018, as universidades de Lavras (UFLA) e de Mato Grosso do Sul (UFMS) figuraram no topo da lista e, pela regra, poderiam ser mais beneficiadas na liberação de recursos. O indicador mede aspectos como governança, estratégia, gestão e transparência. Entre as piores estão a UFRJ e a Federal de Roraima (UFRR).

Procuradas, UFRJ, UFRR e UFMS não responderam até a conclusão da reportagem. A UFLA informou que não comentaria medida não implementada. “Acreditamos que o MEC, em algum momento, irá formalizar essa questão de maneira pública. Somente assim teremos elementos concretos para nos manifestarmos”, diz a universidade de Lavras.

Empregabilidade

A ideia do ministério é, no futuro, ampliar o rol de dados utilizados para medir o desempenho das universidades e que poderão ser usados para distribuir os recursos. Um destes indicadores deve ser empregabilidade dos egressos. O plano é comparar as informações do Enade, exame que mede o desempenho dos estudantes de ensino superior, com a base de dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais), que traz detalhes sobre os empregos formais no País. Com isso, seria possível saber se as universidades estão conseguindo formar alunos mais aptos a ingressar no mercado de trabalho em suas áreas de atuação – e premiá-las por isso.

Outra ideia é analisar a evolução de criação de patentes, indicador que reflete o grau de inovação dentro das instituições de ensino.

Future-se

O secretário afirma que não se trata de represália a universidades que criticaram o “Future-se”, programa lançado recentemente pelo governo Jair Bolsonaro para as instituições públicas de ensino superior. O programa foi lançado pelo MEC para promover maior autonomia financeira nas universidades e institutos federais por meio de incentivo à captação de recursos próprios e ao empreendedorismo.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, trava desde o início da sua gestão uma queda de braço com os reitores. “Não tem nada a ver com isso. A questão é equidade. Temos gasto de R$ 75 mil reais por aluno na Unifesp e na UFRJ contra R$ 30 mil em universidades do Norte e Nordeste. Não é uma questão de ir contra a UFRJ, mas de ir a favor daquelas que precisam mais”, afirma Lima Junior.

Na semana passada, o MEC resolveu prorrogar por mais duas semanas o prazo para a consulta pública do “Future-se”. De acordo com o ministério, foram registrados mais de 49 mil cadastros de interessados em participar da consulta.

O secretário defendeu o diálogo e a apresentação das sugestões pelas universidades. “A educação vive ainda um momento muito dogmático e isso é expresso em instituições de ensino que estão se manifestando contra o Future-se. Agora é consulta pública”, diz.

“Não é para ser a favor ou contra”, avalia ele sobre as resistências ao programa, que partem sobretudo de grandes universidades como a UFRJ, aprovou nota rejeitando, por unanimidade, o Future-se na forma como foi apresentado.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Por:Agência Estado

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/educacao-maker-estimula-criatividade-e-aprendizado-das-criancas/