BR 163 -Serra de Moraes teve sistema PARE & SIGA nesta semana

image_pdfimage_print

(Serra de Moraes- Foto Reprodução Jornal Folha do Progresso)- O Exercito esta em um trecho da rodovia br 163  a mais de seis meses, nenhum metro de pavimentação foi construído.

O serviço de rebaixamento da Serra de “Moraes Almeida” concentra  os trabalhos do exercito na rodovia, os motoristas enfrentam constantemente o bloqueio da rodovia, fila de caminhões entre a poeira e lama se formam naquele local, o verdadeiro descaso com o dinheiro publico.

Um vídeo chegou à redação do Jornal Folha do progresso, nesta segunda-feira (30/04), onde mostra que mesmo com o a trégua da chuva , os motoristas enfrentam o dilema da paralisação ao logo da rodovia.

A estiagem de quatro dias formou nuvem de poeira, o trecho de pouco mais de 60km entre o município de Novo Progresso e o distrito de Moraes Almeida , exige cuidado em dobro, trecho sem pavimentação e com muita poeira,defeitos na pista, pedras e buracos, o trajeto é lento com muito trafego de caminhão , os veículos menores são impedidos de ultrapassar devido acumulo de poeira , o exercito concentra os trabalhos na serra de Moraes, não tem serviços realizados ao longo de rodovia que sinalizem a pavimentação.

O Vídeo mostra a “serra de Moraes” sem qualquer serviço e trafegavel no momento que caminhões estão parados na rodovia fila de mais de 15 km se formou rapidamente naquele local. Os motoristas ficam impedidos de sair da cabine do caminhão muita poeira.  Assista o Vídeo.

 

 

Outro Lado

O Jornal Folha do progresso entrou em contato com exercito via WhatsApp sobre a operação Pare e Siga naquele local e obtivemos a seguinte reposta; A pequena fila se formou devido a uma movimentação de uma escavadeira na BR, para o tratamento de um “borrachudo” que apareceu na pista de rolamento. Tal serviço foi necessário, de forma preventiva, para evitar a falta de tracionamento das carretas e consequente congestionamento da subida, na porção Sul da elevação. O Sv foi planejado e executado pelo Destacamento Xingu, de forma a garantir a trafegabilidade da rodovia, no contexto da Op Radar. Tão logo o Sv foi concluído, a pista foi liberada.

[ Borrachudo é o excesso de água no solo, que dificulta a trafegabilidade]

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO no (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

Por Jornal Folha do Prgoresso

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: