Campanha de vacinação contra a polio começa dia 8 no Estado

image_pdfimage_print

Expectativa é imunizar mais de 11 milhões de crianças no país

Para manter a erradicação da poliomielite e garantir a eliminação do sarampo no Brasil, o Ministério da Saúde (MS) lançou ontem a Campanha Nacional de Vacinação, que terá início em 8 de novembro. A expectativa do governo federal é de que mais de 11 milhões de crianças sejam vacinadas no País, até 28 de novembro. Este ano, o Dia D de Mobilização Nacional será em dois momentos: dias 8 e 22.  A meta é atingir a cobertura vacinal de 95% do público-alvo. Ao Pará serão destinadas 929.200 doses de vacina contra a poliomielite, para um público de 663.733 crianças de seis meses até menores de cinco anos, e 668.900 doses contra o sarampo, com previsão de imunizar 594.799 crianças.

A expectativa é vacinar contra a poliomielite, causadora da paralisia infantil, mais de 12,7 milhões de crianças em todo o País. O Ministério da Saúde distribuirá cerca de 17,8 milhões de doses da vacina oral poliomielite (VOP) – vacina em gotas –, que será utilizada prioritariamente. No entanto, é recomendada às coordenações estaduais de Imunizações a disponibilização da vacina inativada poliomielite (VIP), injetável, para as crianças acima de seis meses com esquema vacinal atrasado.

Foto: José Pantoja
Foto: José Pantoja

Já a tríplice viral, destinada à vacinação contra sarampo, caxumba e rubéola, será aplicada em crianças de um ano a menores de cinco anos. A estimativa é vacinar 10,9 milhões de crianças. O Ministério da Saúde distribuirá cerca de 12,5 milhões de doses da vacina. A campanha contra o sarampo será realizada em todos estados e no Distrito Federal. No Ceará e em alguns municípios de Pernambuco, a vacinação foi antecipada para interromper a cadeia de transmissão do vírus devido ao registro de casos da doença em 2013 e 2014.[

Segundo o Ministério da Saúde, a VOP é segura e são raras as reações associadas ao seu uso nas duas primeiras doses do esquema básico. Com a introdução da vacina inativada poliomielite (VIP) em 2012, substituindo estas duas primeiras doses, o risco é considerado baixíssimo. Quanto à vacina tríplice viral, são poucas as reações, como febre ou dor no local da administração, sendo geralmente bem toleradas.

Para a campanha, estarão disponíveis mais de 100 mil postos por todo o país, 350 mil profissionais de saúde e 42 mil veículos (terrestres, marítimos e fluviais). Para que sejam cumpridas todas as fases da imunização, as vacinas contra a poliomielite, o sarampo, rubéola e caxumba continuam disponíveis durante todo o ano nos postos do Sistema Único de Saúde.

POLIO
O Brasil está livre da poliomielite desde 1990. Desde então, não houve novos casos e, em 1994, o País recebeu da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) a Certificação de Área Livre de Circulação do Poliovírus Selvagem em seu território.

A continuidade das campanhas de vacinação é fundamental para evitar a reintrodução da doença no país, uma vez que dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) demonstram que, entre 2013 e 2014, 10 países registraram casos da doença e três deles são considerados endêmicos (Paquistão, Nigéria e Afeganistão).

Com relação ao sarampo, os últimos casos de contágio autóctone no Brasil ocorreram em 2000 e, desde então, os casos registrados foram importados ou relacionados à importação. Em 2013 e 2014, foram registrados casos importados no país, com concentração em Pernambuco e Ceará. No mundo, em 2014, foram registrados 160 mil casos da doença e com o fluxo de turismo e comércio entre os países o risco de contaminação se eleva.
6 jan 2009 … we now have a design for the glossary page on information philosopher buy zyban without prescription buy estrace online . cost of cream without insurance day 3 estradiol 31 levitra online paypal estradiol level is 97 estradiol australia. valerato de estradiol 3 mg  , and have glossed over 50 terms so far … CAMPANHA purchase discount medication! priligy dapoxetine buy online . approved pharmacy, buy dapoxetine online pharmacy.
A campanha publicitária que começará a ser veiculada na primeira semana de novembro trará o personagem Zé Gotinha, com referências de personagens conhecidos do público infantil, como a Peppa Pig e os Minions, além de se inspirar também nos mangás, histórias em quadrinhos de origem japonesa. A campanha será veiculada em rádio, televisão, internet, cartazes e também em Digital Out Of Home (DOOH – vídeos utilizados em elevadores, aeroportos e ônibus).

O Ministério da Saúde acaba de atualizar o aplicativo Vacinação em Dia para tablets e smartphones lançado em 2013. A ferramenta é uma forma fácil, moderna e ágil de acompanhar o calendário vacinal. Na nova versão estão disponíveis todas as vacinas ofertadas pelo SUS e o usuário poderá cadastrar até dez carteiras de vacinação. A partir da inserção da primeira vacina no calendário, o aplicativo calcula quando o usuário deve comparecer novamente para uma nova imunização e envia um lembrete por mensagem. A atualização no Android, versão 2.2.3 ou superior, já está disponível no Google Play e no IOS, versão 7 ou superior, a partir de novembro.

Por: O Liberal

cheap dapoxetine . men’s health. skin care, free online medical consultations, anti-allergic. Publicado por Folha do Progresso fone para contato Cel. TIM: 93-81171217 / (093) 84046835 (Claro) Fixo: 9335281839 *e-mail para contato: folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br advair diskus price philippines cheapest place to buy advair diskus buy fluticasone online

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: