Presos que saíram para benefício do Círio começam a retornar às unidades de detenção

(Foto:Reprodução) –  Benefício é concedido para presos que apresentam bom comportamento

Os 1.699 presos que deixaram as unidades de detenção do Pará em benefício de saída temporário do Círio de Nazaré deste ano já estão retornando às casas de detenção, conforme informou a Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe). Os detentos foram liberados temporariamente de forma fracionada. O retorno dos apenados começou nesta semana.
No Centro de Recuperação Feminino (CRF) de Santarém, no oeste do Pará, por exemplo, foram beneficiadas 16 internas. Elas tiveram o retorno marcado para esta quarta-feira (16). Todas as internas voltaram para a unidade, segundo informou a Susipe. “O retorno das internas representa uma ação efetiva da Susipe para implementar humanização dentro do cárcere e condições adequadas para o cumprimento da pena”, destacou o órgão de segurança..
Em 2018, 1.798 presos receberam o benefício no Círio. Do total, 193 não retornaram às unidades prisionais, o que representa uma taxa de evasão de 11%. Este ano o balanço total de retorno da saída para o Círio de Nossa Senhora de Nazaré ainda não foi divulgado pois alguns retornos estão marcados para a próxima quarta-feira (23), em decorrência de saídas que ocorreram no dia 16 de outubro.

A saída temporária é um benefício concedido pela Justiça, previsto na Lei de Execuções Penais, a presos que cumprem pena no regime semiaberto, que apresenta bom comportamento e que já tenham cumprido 1/6 da pena (para réus primários) ou 2/5 (para reincidentes). Por ano são previstas cinco saídas temporárias no Pará: Semana Santa, Dia das Mães, Dia dos Pais, Círio de Nazaré e Festas de Final de Ano (Natal e Ano novo).

Segundo a Portaria 002/2019, do Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJPA), os internos do regime semiaberto terão o benefício por sete dias. Os presos deverão retornar à unidade prisional às 14h do último dia. Caso o preso não retorne no prazo estabelecido, passa a ser considerado foragido e pode regredir de regime.

Por:Redação Integrada

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/creduc-e-premiado-em-cerimonia-do-top-educacao-2019/

 

 




Residência multiprofissional da Uepa abre inscrições e oferta 20 vagas no HRBA

Residência multiprofissional tem vagas ofertadas no Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA) — Foto: Ascom HRBA/Divulgação

Oportunidades são nas áreas de atenção integral em ortopedia e traumatologia e atenção em oncologia. Saiba os requisitos para o processo seletivo.

Iniciaram as inscrições para o processo seletivo dos programas de Residência Multiprofissional em Saúde da Universidade do Pará (Uepa), com início em 2020. Em Santarém, no oeste do estado, estão sendo ofertadas 20 vagas no Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA). As inscrições são feitas exclusivamente pela internet até 7 de novembro.

Veja o edital da Residência Multiprofissional em Saúde da Uepa

Ao todo são ofertadas 124 vagas, sendo a maioria destinada para instituições localizadas em Belém. As vagas para Santarém são em duas áreas de concentração: atenção integral em ortopedia e traumatologia e atenção em oncologia. (Confira a tabela abaixo)

Vagas por profissionais e áreas de concentração no HRBA
Área de concentração     Enfermagem     Fisioterapia     Terapia ocupacional     Psicologia     Serviço Social     Farmácia     Nutrição     Total
Atenção integral em ortopedia e traumatologia     4     4     1     1     1     2     –     13
Atenção em oncologia     2     1     1     1     –     1     1     7
Fonte: Uepa

Os programas de Residências Multiprofissionais em Saúde são destinados para enfermeiros, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, psicólogos, assistentes sociais, nutricionistas, cirurgiões, dentistas, farmacêuticos, biomédicos, fonoaudiólogos e educadores físicos, sendo bacharel ou licenciado. Já os de Residência em Área Profissional em Saúde são voltados, tão somente, para enfermeiros e cirurgiões dentistas.

Requisitos

Os candidatos deverão ter curso de graduação em Instituição de Ensino Superior oficial e reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC) ou ser portadores de diploma revalidado por universidade pública e brasileira, de acordo com legislação vigente e demais normas estabelecidas pelas comissões Nacional de Residência Multiprofissional em Saúde (CNRMS) e de Residência Multiprofissional em Saúde (Coremu).

Antes de efetuar a inscrição, o candidato deverá tomar ciência do edital e certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos.

As Residências Multiprofissionais e em Área Profissional em Saúde constituem-se em ensino de pós-graduação Lato Sensu, destinado às profissões que se relacionam com a saúde, e caracterizado por ensino em serviço, sob a orientação de profissionais de elevada qualificação ética e profissional, com carga horária de 60 horas semanais.

Por G1 Santarém — Pará

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/creduc-e-premiado-em-cerimonia-do-top-educacao-2019/

 

 




Marabá recebe o I Fórum Nacional Permanente em Defesa da Amazônia

(Foto:Reprodução) – Programação reúne lideranças políticas, pesquisadores e ativistas ambientais e tem como destaque o cacique caiapó Raoni Metuktire.

O Ato Nacional em Defesa do Meio Ambiente e dos Povos da Amazônia começou nesta quinta-feira (17), em Marabá, sudeste do estado. A programação, que reúne lideranças políticas, pesquisadores e ativistas ambientais e tem como destaque o cacique caiapó Raoni Metuktire.

O objetivo é discutir os problemas enfrentados na Amazônia, que recentemente foi alvo de queimadas criminosas e o avanço de garimpos ilegais. Este é a primeira edição do evento, promovido pelo Fórum Nacional Permanente em Defesa da Amazônia, criado em 28 de agosto deste ano na Câmara dos Deputados, em Brasília (DF). Além de parlamentares do campo da oposição e partidos, o Fórum reúne mais de 30 entidades dos movimentos sociais e organizações de classe.

Por G1 PA — Belém

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/creduc-e-premiado-em-cerimonia-do-top-educacao-2019/

 

 




Polícia Militar prende traficante em via publica em Moraes Almeida

(Foto:Policia Militar Divulgação)- Na tarde desta quinta-feira (17.10) por volta das 15h30mn, policiais do 103PPD  de Moraes Almeida no comando do Sub Ten Bastos, cabo Almir, Jandes, Elismauro e Soldados  Siqueira e  R. Moura, após denuncia , procederam a abordagem em via publica prenderam tres pessoa entre eles uma menor de idade . Com eles foi encontrado uma porção com aproximadamente 129 gramas aparentemente sendo maconha e outros 16 gramas  sendo crack, uma balança de precisão, um aparelho celular,2  (dois) cordões e uma pulseira  sendo semijoias, e R$ 217,00 (duzentos e dezessete reais).
Os presos foram identificados como Harrison Lima dos Santos ,  e uma  menor B. F. D. S. N de 14 anos.
Os presos forma  encaminhados para delegacia de Policia na cidade de Trairão onde serão tomadas as medidas cabíveis.

 

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO COM INFORMAÇÕES DA POLICIA MILITAR

traficante moraes
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/dia-mundial-da-alimentacao-chama-atencao-para-o-desperdicio-de-comida/

 




Irmãos condenados por mandar matar prefeito são transferidos para presidio em Itaituba

Chegaram na tarde desta quinta-feira, 17/10/19, há Itaituba os irmãos Valdivino Teodoro dos santos e José Airton dos Santos condenados pela justiça do Paraná por serem os mandantes da morte do prefeito de Laranjal. (Foto:Policia)

A operação denominada “OCCULTATUM” foi comandada pelo superintendente da Policia Civil do Tapajós Vicente Gomes, e foi realizada nos municípios de Trairão (Caracol) e Novo Progresso, onde os dois moravam. A operação foi considerada um sucesso, os foram presos, não reagiram a prisão, e foram conduzidos para a cidade de Itaituba. A operação envolveu policiais civis de Itaituba; Trairão e Novo Progresso. (Delegado Vicente Gomes)

Leia Também:Operação da Policia Civil prende dois acusados de mandar matar prefeito na cidade de Palmital no Paraná

O Tribunal do Júri de Palmital, na região central do Paraná, condenou o ex-vereador Valdevino Teodoro dos Santos, de Laranjal, também no centro do estado, a 18 anos de prisão por ser um dos mandantes da morte do então prefeito da cidade, Vicente José da Costa, no dia 31 de outubro de 1998. O irmão dele José Airton dos Santos também foi condenado a 16 anos de prisão. Os dois foram condenados por homicídio triplamente qualificado. A condenação foi feita na terça-feira (12).

O prefeito estava na própria chácara a 11 km de Laranjal e foi morto com vários tiros. De acordo com a denúncia oferecida pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR), os acusados são irmãos do vice-prefeito da época e agiram por motivação política.

Os irmãos estão foragidos e a Justiça determinou que seja mantido o decreto de prisão preventiva dos dois, mesmo que um eventual recurso de defesa seja apresentado ao Tribunal. Os contratados para cometerem o crime já foram julgados e condenados pela Justiça.

Fonte: Blog do Junior Ribeiro
Colaboradores: David Mora e JackieChan TV Record Digital
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/dia-mundial-da-alimentacao-chama-atencao-para-o-desperdicio-de-comida/

 




Homem que anunciava produtos que furtava na internet morre em confronto com a PM em Parauapebas

(Foto:Reprodução) – Ele foi encontrado após uma vítima reconhecer seu monitor que foi furtado e marcar um encontro

Um homem identificado como Antônio Brandão da Cruz morreu após ser alvejado por policiais militares na noite de ontem, quarta-feira (16), no Complexo VS10, bairro Parques das Nações II, em Parauapebas, sudeste paraense. Ele era acusado por diversos roubos e furtos na cidade, anunciando os produtos que ele obtinha de forma ilegal em um site de compra e venda. Além do suspeito morto, a Polícia Militar também prendeu Matheus da Cruz Silva.

Por volta das 20h30, um homem acionou a Polícia Militar para comunicar que um monitor havia sido furtado há dois dias de dentro de seu depósito, e ele encontrou o mesmo aparelho sendo anunciado para venda no aplicativo OLX. Ele disse que marcou um encontro com o anunciante, para fingir que ia comprar o monitor, e pediu ajuda da Polícia.

Eles se deslocaram ao endereço, e quando a polícia chegou ao local com a vítima, foram recepcionados com diversos disparos. Os policiais contam que atiraram de volta, com dois tiros atingindo o tórax de Antônio, que caiu no chão, ferido.

Um outro homem que estava naquele endereço correu para o fundo do quintal durante o tiroteio. Os policiais o seguiram e ordenaram que ele parasse, mas como ele não só não acatou a ordem como entrou em luta corporal com os PMs, sendo necessário o uso progressivo da força para contê-lo.

Com o suspeito morto, a PM apreendeu uma pistola calibre .40 de numeração raspada. Após uma revista completa na residência, foram encontradas três bicicletas, um aparelho de som, uma caixa amplificadora, um relógio, uma televisão, e uma arma de fogo de fabricação caseira.

Os PMs contam que ainda levaram o home ferido ao Pronto Socorro Municipal de Parauapebas, mas ele morreu antes de chegar ao hospital. Matheus Da Cruz e os objetos achados na casa foram levados à 20ª Seccional Urbana de Parauapebas.

Por:O Liberal

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/dia-mundial-da-alimentacao-chama-atencao-para-o-desperdicio-de-comida/

 

 




7º Encontro de Economia da Ufopa abre inscrições para o evento; Saiba como participar

Unidade Amazônia da Universidade Federal do Oeste do Pará — Foto: Ascom Ufopa/Divulgação

Evento ocorre no período de 29 de outubro a 1º de novembro em Santarém.

“Mudanças Tecnológicas, inovação e economia global: as metamorfoses do capitalismo contemporâneo” é o tema do 7º Encontro de Economia (Enecon) da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) que ocorrerá no período de 29 de outubro a 1º de novembro. O evento vai ser realizado na Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e na unidade Amazônia da Ufopa, em Santarém, no oeste do estado.

   Faça a inscrição para o Enecon da Ufopa neste link

O Enecon é organizado pelo curso de economia da universidade e tem como objetivo integrar acadêmicos, profissionais e a comunidade em geral para uma socialização que envolve troca de ideias e experiências.

A edição deste ano contará com a participação de professores palestrantes da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), da Universidade Federal do Pará (UFPA) e do Conselho Regional de Economia (Corecon/PA), entre outros convidados. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas no site do evento.

Por G1 Santarém — Pará

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/dia-mundial-da-alimentacao-chama-atencao-para-o-desperdicio-de-comida/

 

 




Redentor paga primeira parcela de acordo e produtores torcem pela recuperação

Frigorífico de Novo Progresso (Foto:Arquivo Jornal Folha do Progresso)

Credores do Redentor aceitam proposta, produtores torcem pela recuperação
Os credores do frigorífico Redentor em Guarantã do Norte (MT), que tem extensão na cidade de Novo Progresso aceitaram a proposta da empresa para quitar divida, e primeira parcela caindo na conta, produtores torcem para que volte operar, para comprarem a produção na região.

Leia Também:Frigorífico Redentor afunda em dividas e põe a cidade no caos econômico.

O plano proposto foi aprovado pela comissão de credores nesta terça-feira (15). Entre os credores quirografários, que incluem pecuaristas e fornecedores, a proposta foi aceita,  empresa já pagou a primeira parcela nesta quarta-feira (17), o clima entre os pecuarista para que a empresa volte funcionar e comprar a produção.

Proposta
Após o encontro com a gerencia em Guarantã do Norte-MT , na tarde desta terça-feira(15), os produtores divulgaram a proposta da empresa.
Segundo eles os  vencimentos ate R$ 200.000,00 (Duzentos Mil Reais), serão pagos em 5 semanas toda quarta-feira, 20% por semana e juros de 2.5% a ser pagos na última parcela . Os vencimentos maiores serão pagos em 5 parcelas iguais a partir do dia 6/11 , enquanto aos  juros na última parcela .

Recuperação
pecuarista torcem pela recuperação da empresa, para que ela cumpra com as parcelas e volte a comprar.  “Não há muito o que comemorar, receber é muito importante , mas torcer para empresa voltar operar e comprar nossa produção, isto que precisamos,comentou pecuarista Sandro Videira em comentário no Facebook.
Conforme foi divulgado anteriormente pelo Jornal Folha do Progresso, a empresa continua pagando os funcionários [SEM TRABALHAR] em Novo Progresso, a  esperança é que voltem a funcionar o mais rápido possível para aquecer a economia local. O frigorífico Redentor em Novo Progresso esta instalado na comunidade de Santa Júlia , abate em media 200 cabeças dia, emprega 150 pessoas diretamente, a paralisação afetou a economia local.

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/dia-mundial-da-alimentacao-chama-atencao-para-o-desperdicio-de-comida/

 




Justiça Federal derruba liminar e comandante da Força-Tarefa Penitenciária volta a atuar no Pará

FTIP atuando no Pará. — Foto: Reprodução / Susipe

Maycon Cesar Rottava é alvo de ação do MPF, que aponta cometimento de atos de tortura, maus-tratos e abuso de autoridade contra detentos no estado.

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) derrubou nesta quarta-feira (16) a liminar que afastava das funções o coordenador da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária no Pará (FITP), Maycon Cesar Rottava. O documento, obtido com exclusividade pelo G1, foi assinado pelo desembargador Orlindo Menezes, e atende um recurso da Advocacia-Geral da União (AGU).

Acatando uma decisão do Ministério Público Federal (MPF), a Justiça do Pará havia afastado Maycon Rottava do cargo de coordenador da FITP no estado no dia 3 de outubro. Segundo o MPF, investigações apontam suspeitas de atos de tortura, maus tratos e abuso de autoridade contra detentos das unidades penitenciárias em intervenção federal no Pará, após o Massacre em Altamira.

Segundo a decisão da Justiça Federal, os fatos apurados pelo MPF, classificados como tortura e maus tratos, possuem uma “carga visível de incerteza”. A decisão aponta que laudos divulgados pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e pelo Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC) não constataram torturas nas casas penais.

A partir de agora, a denúncia oferecida pelo MPF à Justiça do Pará continua tramitando, mas sem o efeito liminar de afastamento. Dessa forma, Maycon Rottava pode voltar a exercer as atividades de coordenador da FTIP, até o caso ser julgado. Em caso de condenação, Rottava pode perder o cargo, ter os direitos políticos suspensos por 3 a 5 anos e ser proibido de receber benefícios ou incentivos fiscais.

Entenda

O MPF recomendou que sejam instaurados procedimentos administrativos para apurar denúncias de maus tratos e tratamento desumano, cruel e degradantes. No dia 2 de setembro, os procuradores enviaram recomendações às autoridades ligadas ao sistema penitenciário do estado e à FTIP que começou a atuar em presídios paraenses depois do massacre no Centro de Recuperação de Altamira, que resultou na morte de 58 detentos, e de outros quatro durante a transferência de presos, dois dias após o massacre.

No dia 5 de agosto, foi publicada uma portaria no Diário Oficial do Estado que suspendeu todas as visitas a detentos no Complexo Penitenciário de Santa Izabel, região metropolitana de Belém, pelo período de trinta dias. De acordo com a portaria nº 882/2019, o objetivo da medida é “garantir a segurança dos internos, familiares e servidores do sistema prisional”, durante a atuação da FTIP no Pará, ação autorizada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Denúncias
presidio1
MPF reúne relatos, imagens e vídeos apontando indícios de torturas e maus tratos durante intervenção federal em presídios do Pará. — Foto: Reprodução / MPF

Desde o início de agosto, quando a Força-Tarefa passou a atuar no presídio, o MPF vem recebendo denúncias de mães, de companheiras de presos, de presos soltos recentemente, de membros do Conselho Penitenciário e de membros da OAB que fiscalizam o sistema penitenciário. Entre elas, denúncias de que os presos vêm sofrendo violência física pelos agentes federais, pois estão apanhando e sendo atingidos por balas de borracha e spray de pimenta, de modo constante, frequente e injustificado, mesmo após muitos dias da intervenção, e sem que tenha ocorrido indisciplina dos presos.

Em setembro, após reunir relatos de detentos, ex-detentos, familiares e agentes prisionais o MPF enviou à Justiça uma ação expondo indícios de tortura, maus-tratos e abusos durante a intervenção federal em presídios no Pará. O relatório identificou casos de violência física, tortura, privação de sono e de alimentação e casos de abuso sexual.

O conteúdo da ação estava sob sigilo até a Justiça Federal decidir pelo afastamento do coordenador da FTIP no Pará, Maycon Rottava, por improbidade administrativa. No documento, o MPF afirma que mesmo sem evidências de que o comandante tenha executado diretamente os supostos atos de abuso de autoridade, tortura e maus tratos, há indícios de que ele manteve “postura omissiva”.

Massacre no presídio
presidio

Centro de Recuperação de Altamira volta a receber visitar. — Foto: Glaydson Castro/TV Liberal

A força-tarefa foi enviada pelo ministro Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública) a pedido do governador Helder Barbalho, após um massacre que resultou na morte de 62 presos em um presídio de Altamira, no sudoeste do Pará.

Um confronto entre facções criminosas causou a morte de 58 detentos. No dia 29 de julho, líderes do Comando Classe A (CCA) incendiaram cela onde estavam internos do Comando Vermelho (CV). Foram 58 mortos. De acordo com a Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe), 41 morreram asfixiados e 16 foram decapitados. Na terça, mais um corpo foi encontrado carbonizado nos escombros do prédio.

Após as mortes, o governo do estado determinou a transferência imediata de dez presos para o regime federal. Outros 36 seriam redistribuídos pelos presídios paraenses.

No dia 31 de julho, quatro envolvidos na chacina de Altamira foram mortos durante o transporte para Belém, segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Segup). Com isso, o número de mortos no confronto chega a 62.

Por Caio Maia e Arthur Sobral, G1 PA

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/dia-mundial-da-alimentacao-chama-atencao-para-o-desperdicio-de-comida/

 

 




Delegado que investiga grilagem de terra,queimadas e agressão ao meio ambiente denuncia perseguição política

(Foto:Reprodução)- Delegado “Francymar” investiga ,grilagem,invasão Terras e queimadas em Castelo de Sonhos,denuncia perseguição politica para tira-lo das investigações.

Segundo o delegado que postou um vídeo nas redes sociais denunciando perseguição, vem sofrendo consequência do excelente trabalho que desenvolve no distrito de Castelo de Sonhos.
Delegado Francymar, é responsável por investigar a morte do Sindicalista Alenquer e recentemente concluiu a investigação do sumiço do trabalhador rural “Bigode” no assentamento Terra Nossa.

Leia Também:Polícia prende integrantes do MST em invasão dentro da “Flona Jamanxim” em Castelo de Sonhos

*Presidente do Sintraf e ouvidor agrário do município continuam presos em Novo Progresso

*Polícia Civil prende três suspeitos de envolvimento em crime agrário em Novo Progresso

“Em castelo de Sonhos investigou  grilagem de terras dentro da Flona Jamanxim onde levou três pessoas para cadeia”.
Segundo o Delegado no inquérito, que cuida , ás  investigações envolvem políticos, ligados ao Partido do Governo do Estado do Pará, que querem a saída dele.
Em vídeo Francymar fala nome do Governador Helder Barbalho que segundo ele, Helder conhece da competência e do trabalho dele como delegado nesta região.

Em grupos de WhatsApp, publicaram em apoio ao Delegado. veja;

BOM DIA, DENÚNCIA, UMA VERGONHA PARA NOSSOS DIAS ATUAIS!
O delegado do distrito de Castelo de Sonhos, Dr Francimar, comunidade que fica a mais de mil Km de Altamira, esteve com a redação da Direita Progresso hoje 17/10/2019, ás 11h00, e fez revelações bombásticas sobre perseguições políticas que supostamente vem sofrendo em consequência do excelente trabalho que desenvolve nesse distrito…
Sou testemunha do trabalho sério e honesto desse profissional e não podemos aceitar esse tipo de situação nos dias atuais. Peço aos companheiros,amigos, simpatizantes que compartilhe o máximo que puder, não podemos ficar de braços cruzados….

Francymar, divulga que o crime organizado age na região, que se cometeu algo errado com sua função, para denuncia-lo, que não tem medo de ameaças, que vai continuar investigando os casos e que  políticos que o perseguem podem ter envolvimento com a contravenção. Políticos que faz incentivo este tipo de crime na região tentaram remove-lo. Graças as pessoas do Bem eu continuo na região,divulgou.

Assista ao Vídeo;

https://youtu.be/HRFDdfWyHuc

O Delegado ficou responsável por  investigações importantes como a morte do líder sindical Alenquer, Grilagem de terras em UCs (Unidades de conservação), e o desaparecimento do trabalhador rural Bigode no assentamento Terra Nossa, que culminou com a prisão de pessoas envolvidas ao Partido do movimento Democrático Brasileiro (MDB), em Novo Progresso e  no estado do Pará, onde nomes de políticos foi citado nos procedimentos.

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

http://www.folhadoprogresso.com.br/dia-mundial-da-alimentacao-chama-atencao-para-o-desperdicio-de-comida/