Caseiro é encontrado degolado dentro de fazenda em Novo Progresso

(Foto:Reprodução Whatsapp) – Regimar da Silva Viana de 24 anos ,  foi brutalmente assassinado dentro da fazenda onde trabalhava como caseiro na zona rural de Novo Progresso .

Conforme a informação a fazenda esta localizada do outro lado do rio jamanxim o proprietário é  comerciante [preferiu não divulgar o nome]  morador da cidade de Novo progresso.
Ainda segundo a informação ele pode ter sido assassinado no domingo – o corpo da vítima foi encontrado pelo vizinho na quarta-feira (20), o corpo estava em decomposição, ele teve o pescoço degolado.

Parentes e amigos da vitima relataram ao Jornal Folha do Progresso de não saber de vida pregressa da vitima, que era homem trabalhador e honesto.

A família esta abalada com o assassinato do jovem de 24 anos.
O Corpo de Regimar foi sepultado pelos familiares no cemitério municipal, ainda não registrou o boletim de ocorrência,disse.

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com




TJ manda soltar viúva acusada de participar da morte do fazendeiro Brizola

(Foto:Divulgação Policia)- O Tribunal de Justiça do Estado do Pará , concedeu nesta quinta-feira (21), por unanimidade, habeas-corpus a Maria Alcelin Ferreira do Nascimento a viúva do fazendeiro Brizola do distrito de Vila Isol [km 1000] município de Novo Progresso.

Por unanimidade os desembargadores do Tribunal de justiça do Para (TJPA) atenderam ao pedido da defesa apresentado pelo advogado da viúva do fazendeiro Brizola,  Davi de Paula leite. 

Davi de Paula ingressou com pedido Habeas Corpo contra decisão da Juíza de Novo progresso em favor da liberdade da acusada de participação na morte do Marido, fazendeiro Brizola do KM 1000, por unanimidade os desembargadores do TJ acatou pedido do defensor nesta quinta-feira (21/03),concedendo a acusada do direito de aguardar Julgamento em liberdade.

Maria Alcelin cumpria pena desde janeiro de 2019 em penitenciaria feminina na cidade de Sentarem distante 700km de Novo Progresso, ela foi posta em liberdade na manhã desta quinta-feira(21).

O CASO –Justiça manda prender mulher por envolvimento na morte do marido durante flagra na Vila Isol

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com




Em Baixo da Ponte moradores comemoram intervenção da Prefeitura

A reportagem do Jornal Folha do Progresso esteve no local e conversou com os moradores. segundo eles a prefeitura vai tira-los daquele local amanhã (sexta-feira-22), eles fizeram posse para foto e dizem estarem felizes por sair de baixo da ponte, não temos onde morar, argumentam!

Muitos são usuários de drogas outros são alcoólatras, nesta quarta-feira(20) por volta das 20h00mn , houve alerta nas redes sociais, eles estavam parando as pessoas com faca em punho para tomar dinheiro, possivelmente para comprar droga, divulgou.

Leia Também:Internauta denuncia -Usuários de droga estão morando e se prostituindo em baixo da ponte

Uma força-tarefa organizada pela Prefeitura de Novo Progresso através da Secretaria de Assistência Social , deu  início nesta quinta-feira (21) à primeira fase do plano da administração municipal para realocar 16 moradores que estão morando em baixo da ponte na área central da cidade de Novo Progresso, eles  estão em situação de rua.  Uma equipe da Secretaria de Assistência social  fez  a primeira abordagem e divulgou nota nas redes sociais;

A Secretaria de Assistência social recebeu a demanda de que alguns moradores de rua estariam fazendo da ponte sua morada. Diante dessa situação foi acionado a equipe Psicossocial do CREAS- Centro de Referência Especilizado da Assistência Social, que realizou na manhã desta quinta feira (21/03) visita in loco juntamente com o apoio da Polícia Militar e a equipe do CAPS- Centro de Atendimento Psicossocial.
A Equipe do CREAS teve acesso a 16 moradores que vivem em situação de rua e os incluíram no PAEFI- Serviço de atendimento especializado a famílias e indivíduos para que estes tenham acesso aos serviços Socioassistenciais e as demais Políticas públicas.
É importante salientar que o Sistema Único de Assistência social (SUAS) disponibiliza o Serviço Especializado para pessoas em Situação de rua e a nossa equipe já está articulando as intervenções.

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

(Foto:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO)
(Foto:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO)

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com




Governador garante investimentos para Novo Progresso durante audiência com prefeito Macarrão em Santarém

(Foto Divulgação Prefeitura) –  O prefeito de Novo Progresso, Ubiraci Soares (Macarrão -PSC), foi recebido pelo governador Helder Barbalho (PMDB) na noite desta quarta-feira(20), na sede do Governo instalado na cidade de Santarém, onde apresentou a pauta de reivindicações para investimentos do estado no município.

Acompanhado do Deputado Estadual Hilton Aguiar,  as prioridades do município , as obras em andamento e as  demandas que abrangem todos os setores da administração pública, com ênfase para saúde, educação, produção e infraestrutura, foram pautados com o Governador.

Em Novo Progresso tem obras com recursos empenhados pelo ex-governador Simão Jatene, Hospital, asfalto e escola técnica , são as obras em andamento.

Ao lado dos secretários, o governador Helder Brbalho (PMDB),  ouviu atentamente as reivindicações levantadas pelo chefe do executivo e garantiu que vai viabilizar uma parceria para que investimentos do estado possam melhorar a qualidade de vida do povo progressense.

Leia Também:Em Santarém- Audiência com governador deverá discutir obras em andamento em Novo Progresso

Na Infraestrutura, dentre outros pontos, Helder solicitou manutenção e aditivo de valor de contrato para asfalto nas ruas na cidade.

Também incluiu no pacote, a liberação imediata de recursos para a continuidade da Escola Técnica , segundo o prefeito este recurso já foi liberado e a obra continua, não vai parar, disse.

Na saúde, Macarrão  pediu ao governador a liberação de recursos para conclusão da obra do Hospital Municipal, Helder encaminhou o prefeito para audiência na tarde desta quinta-feira (21) com secretario de saúde onde vai acertar os ponto  para finalizar a obra.

Para a educação o documento entregue ao governador inclui a retomada de obras de reforma do escola Waldemar Lindemayer.

“Ter a disponibilidade de nos ouvir, conhecer nossa realidade, nossas demandas, já é uma prova do acolhimento com os municípios e um desprendimento claro, concreto. “Um sinal que se dispõe a fazer melhor pelos municípios”. Estou muito grato pela sensibilidade que teve o governador Helder Barbalho (PMDB) com seu secretariado para com a gente, e até determinar a eles, que possam na medida do possível para o governo hoje, firmar com os municípios. São muitas as demandas. Tem umas que a gente precisa eleger do ponto de vista do interesse do estado e outras do município e conciliar esses interesses, para que, diante do orçamento e das prioridades, chegarmos a concretizar em benefício da nossa população”, disse Macarrão.

O governador lembrou que o isolamento impõe as cidades mais afastadas uma carga muito pesada e que por isso, esses municípios merecem e irão receber uma atenção especial em seu governo. Com slogan “Em Todo Pará” Helder citou a parceria com Pará no setor da saúde e disse vai canalizar investimentos para a região. “São grandes os problemas,mas vamos aproximar o estado dessa gente”,diz o governador.

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

(Foto:Via WhatsApp)
(Foto:Via WhatsApp)

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com




Com estrutura comprometida, ponte de madeira sobrevive as enchentes do rio jamanxim

(Fotos:BLOG) Ponte dá acesso a povoados, garimpos, propriedades rurais e unidades de conservação (Flona Jamanxim,APA,PARNA), distante 7 quilômetros do centro de Novo Progresso.

“Estrutura de ponte que dá acesso a zona rural de Novo Progresso preocupa moradores”

Uma ponte que dá acesso a zona rural e as unidades de conservação [FLONA JAMANXIM,APA,PARNA] de Novo Progresso, está com a estrutura comprometida. Tábuas soltas representam perigo constante aos motoristas e pedestres. Segundo os moradores, o problema é antigo. A ponte foi construida na década de 90 para servir aos madeireiros, ela esteve sob risco de enchente, mas sobreviveu. Muitas delas chegou ficar submersa por horas.

A ponte de madeira dá acesso a diversos povoados na região de garimpo, além de ligar a cidade a zona rural e as unidades de conservação, e  fica a menos de 7 quilômetros do centro de Novo Progresso. O acesso é quase uma armadilha, os motoristas precisam passar bem devagar com o carro e moto. Mesmo com todo cuidado, moradores já se acidentaram no local.

A prefeitura executou serviços de reparos, mas a precariedade continua.

Por baixo da ponte é possível ver um outro problema. Além da estrutura completamente comprometida, há muitas casas de cupim que estão consumindo mais rápido a madeira.

O local também é uma das rotas de escoamento da produção agrícola e pecuária na região, mas nas atuais condições, o trabalho de fazendeiros ficou mais difícil.

Segundo a prefeitura de Novo Progresso, já existe um projeto em andamento para reconstrução da ponte do Jamanxim, o prefeito trabalha com os representantes políticos onde pleiteiam recurso para construir a ponte de  de concreto, informou.

Fonte:Blog Adecio Piran

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

(Foto:Blog Adecio Piran)
(Foto:Blog Adecio Piran)

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com




Minuto SEMMA-NP

MINUTO SEMMA-NP

No Dia Mundial da Água, compartilhamos algumas ideias de economizar desse tão importante recurso natural. Com a mudança de pequenos gestos diários, ficará surpreendido com a poupança alcançada logo ao final do primeiro mês.

1- Já é um clássico, mas não custa repetir. Manter a torneira fechada sempre que lava as mãos, os dentes ou faz a barba poupa entre 10 a 30 litros de água por dia. Ao final do mês serão entre 100 a 300 litros. Os valores são impressionantes!

2- Equipe as torneiras de casa com redutores de fluxo de água. Estes pequenos equipamentos já existem nos supermercados, são encaixados nas torneiras e ajudam a reduzir o caudal em cerca de 50%.

3- Tome banhos mais rápidos. Cada minuto a menos no chuveiro pode evitar o desperdício de 23 litros de água, dependendo do chuveiro.

4- Lave frutas e verduras em uma bacia com água ou na pia cheia até a metade em vez de sob a torneira. Isso pode reduzir o consumo de água em mais de 30 litros a cada vez.

5- Se tiver a opção, use a meia-descarga no banheiro, sempre que for apropriado. Você pode economizar água (cerca de 8 litros!) por descarga.

6- Com as máquinas de lavar roupa e louça, só as coloque a funcionar quando tiverem a carga cheia e escolha programas curtos e econômicos.

7- Quando precisar de lavar o carro, é preferível escolher um posto de lavagem automática, porque o gasto de água é muito menor. Se lavar o carro com mangueira, o consumo poderá chegar até 400 litros água.

8- Recolha e recicle água para regar as plantas, por exemplo. Use baldes para armazenar a água da chuva, aproveite a água da cozinha ou aquela que se desperdiça enquanto se espera que o chuveiro aqueça.

9- Torne a sua piscina mais ecológica, substituindo os filtros tradicionais por filtros concebidos para poupar água. Outra dica; use uma cobertura de piscina porque isso contribui para a redução da evaporação da água em cerca de 90%, o que se pode traduzir numa poupança de vários milhares de litros de água por mês.

10- Se você tem uma torneira pingando, conserte‑a logo – o desperdício de água pode chegar a 2.000 litros por mês. Não tente apertar mais a torneira, pois isto desgastará a arruela e agravará o vazamento.

Prefeitura Municipal de Novo Progresso/Secretaria Municipal de Meio Ambiente

Fonte: ASCOM/SEMMA-NP




Caso de sarampo no Pará tira o Brasil da lista de países livres da doença

(Foto:Reprodução)- Agora é oficial: após um ano sem conseguir interromper a transmissão de sarampo, o Brasil irá perder o status de país livre da doença. A informação foi confirmada ontem pelo Ministério da Saúde, após o registro de um novo caso de sarampo no Pará, ocorrido em 23 de fevereiro. A data indica que a circulação de sarampo já completa mais de um ano no país, o que indica transmissão sustentada do vírus.

Com isso, a previsão é que o país perca o certificado internacional de eliminação da doença. O reconhecimento havia sido concedido pela Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) em 2016. O motivo era o baixo número de casos nos últimos anos, em geral vinculados a surtos importados de outros países.

Com a queda na cobertura vacinal, no entanto, o país voltou a ficar suscetível ao sarampo. Os primeiros registros de um novo avanço da doença ocorreram em fevereiro de 2018, após mais de dois anos sem casos. Dos estados que registraram a doença, oito já tiveram o surto encerrado, segundo o ministério. Outros três, no entanto, ainda registram transmissão ativa do vírus: Amazonas, Roraima e Pará. De janeiro a março deste ano, foram confirmados 28 casos de sarampo nestes locais.

Com a perda do certificado, o Ministério da Saúde anunciou ontem mesmo um conjunto de medidas para aumentar os índices vacinais, interromper a transmissão e, assim, retomar o statusde país livre da doença. A pasta também prepara uma campanha publicitária para estimular a vacinação contra o sarampo no nos Estados.

(FolhaPress)

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com




Menor sai ferido em acidente com veículo na rodovia BR-163

Um menor W.C de  16 anos saiu ferido em um acidente de trânsito na BR 163, em Novo Progresso.

Ele seguia de passageiro  em um Fiat Uno de cor Branca, sentido Novo Progresso / Comunidade de Alvorada da Amazônia, quando o motorista [não identificado]  perdeu o controle do veículo, saiu da rodovia  e capotou. Não temos informações se mais pessoas estavam no veiculo.

O SAMU socorreu a vitima até hospital municipal de Novo Progresso.

O menor esta sob observação médica,não corre risco de morte.

O motorista teve escoriações pelo corpo , mas não foi  para o hospital.

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

fiat al fiat alv

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”

Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) – Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com




No período chuvoso, moradores enfrentam ruas intrafegáveis em Novo Progresso

Ruas e Avenidas estão intrafegáveis em Novo Progresso (Fotos:WhatsApp)

Trafegar pelas ruas e avenidas de Novo Progresso neste período de inverno amazônico   é um verdadeiro teste de paciência, que muito incomoda os moradores da cidade de quase 30 mil habitantes. A malha viária está quase toda comprometida, impedindo em alguns trechos o acesso de veículos e até a passagem de pedestres.  O Prefeito Macarrão (PSC), que acredita na solução com a pavimentação das ruas pede paciência da população.

A situação está generalizada , as ruas de acesso aos bairros da cidade,  interior e vicinais estão comprometidas.

Na redação do Jornal Folha do Progresso chega dezenas de fotos diariamente da população reclamando de suas ruas, em sua maiorias, é quase impossível trafegar ou estacionar os veículos, até para entrar em casa esta difícil, reclama.

Conforme relatos, durante o período de chuvas, as poças de água e lama dificultam o tráfego para quem entra ou sai de casa. Em certa altura tem ruas que é impossível a passagem de qualquer automóvel por conta da lama densa, que pode prender carros e motos que tentam atravessar.

Caminhão atolou na avenida Otavio Onetta (Foto:WhatsApp)
Caminhão atolou na avenida Otavio Onetta (Foto:WhatsApp)

Além das ruas prejudicadas, os moradores também relatam os perigos que sofrem por conta do mato em terrenos abandonados. De acordo com o pescador Raimundo Teixeira, morador do Bairro Rui Pires de Lima ,  por vezes cobras saem desses locais, colocando os moradores e principalmente crianças em perigo.

OUTRO LADO – Em nota, a Prefeitura de Novo Progresso informou que esta fazendo serviços de manutenção em  trabalho de emergência, a recuperação das ruas será feita somente após o período chuvoso. Em casos críticos a Prefeitura orienta a procurar a secretaria de obras, ela  vai enviar uma equipe para verificar a situação do local, para que seja programada a recuperação, informou.

Reclames

A cidade de Novo Progresso continua crescendo desordenadamente, loteamentos clandestinos surgem todos os dias – na procura de lotes baratos e com facilidade para parcelas, o cidadão acaba comprando – restando para a prefeitura o investimento nas benfeitorias (pavimentação das ruas, energia elétrica, iluminação pública, coleta de lixo, escola, saúde, rede de água e esgoto), a prefeitura não consegue fiscalizar em loco e a contravenção continua sem punição.

A deficiência em ruas sem pavimentação em Novo Progresso chama para o Alerta!

Lei Municipal

Em lei o asfalto é de responsabilidade de quem construir o loteamento, a prefeitura não  deveria autorizar novos loteamentos sem a infraestrutura mínima de asfalto e drenagem. “Fica a cargo do responsável pelo loteamento a execução dessas benfeitorias”, diz a legislação.

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

Rua acesso bairro Nego do Bento(Foto:WhatsApp)
Rua acesso bairro Nego do Bento(Foto:WhatsApp)

rua np

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com




Fim da piracema libera pesca amadora e profissional em rios de Novo Progresso e região

(Foto:Rio Jamanxim- Arquivo Jornal Folha do Progresso)- A partir desta sexta-feira (15/03) a pesca, tanto profissional quanto amadora, está permitida nos rios da região sudoeste do estado do Pará com o fim da piracema.

Mesmo assim, a fiscalização realizada pelos orgãos de defesa do meio ambiente continua, principalmente em patrulhas fluviais e terrestres que buscam evitar a retirada de peixes fora das medidas legais e acima da cota permitida por pescador.

Em virtude da proibição, que teve início no dia 1º de outubro de 2018, muitos pescadores infringem a lei na hora de retomar a atividade. Redes, tarrafas, armadilhas, espinhéis, arpões e até mesmo bombas são alguns dos apetrechos ilegais utilizados de forma criminosa por muitas pessoas, no ímpeto de compensar o período proibitivo, destinado à reprodução dos peixes.

Mesmo com a proibição, muitos pescadores tentam realizar a atividade no Rio Jamanxim  por ser o único meio de subsistência da família.

Com o fim do período de reprodução dos peixes, a pesca é permitida com algumas restrições que são permanentes.

Para pescar nos rios da região é necessário possuir carteirinha de pescador emitida pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), seja profissional e até mesmo para a pesca de lazer; utilizar apenas vara, anzol e isca; respeitar as medidas estabelecidas para cada espécie de acordo com a reprodução animal, além do limite de transporte de cinco quilos e um exemplar de pescado para os amadores e 125 kg semanais para os profissionais.

A SEMMA de Novo Progresso não divulgou relatório de apreensões e multa realizado do defeso.

Por:FOLHA DO PROGRESSO
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com