Com palavras de ordens, torcedoras da dupla Re-Pa protestam contra a presença do goleiro Bruno

image_pdfimage_print

Torcedoras da dupla Re-Pa levaram cartazes e faixas para frente do aeroporto de Belém  – (Foto:Divulgação Twitter Leoas Azulinas)

Em uma rede social, uma torcida feminina do Clube do Remo divulgou uma foto de um protesto pacifico contra a presença do goleiro Bruno, do Rio Branco, que esteve em Bragança para atuar com a camisa do Rio Branco-AC, contra o Bragantino na Série D.

O protesto teve presença de torcedoras do Paysandu, que se uniram com faixas e cartazes com frases em lembrança a Eliza Samudio, mãe de Bruninho, filho do goleiro Bruno.

Cartazes com os dizeres “Bruno assassino #ElizaPresente”, “Respeite as mulheres onde elas estiverem” e “Somos as vozes das que foram caladas”. As torcedoras que estiveram na frente do aeroporto de Belém ainda utilizavam mascaras com o rosto de Eliza.

O primeiro protesto contra a presença do goleiro Bruno, ocorreu em Bragança durante a estadia da equipe do Rio Branco-AC no município, para enfrentar o Bragantino pela Série D, no final de semana.

O goleiro Bruno foi condenado há 20 anos e 9 meses por homicídio triplamente qualificado, sequestro e cárcere privado de Eliza. Bruno foi liberado para um regime semiaberto, em julho de 2019 – ele cumpriu o tempo necessário para progressão da pena.

Por:Beatriz Reis

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: