Cruzeiro vence em casa e afunda ainda mais o Paraná

image_pdfimage_print

O Cruzeiro fez valer sua superioridade e o fator casa e afundou ainda mais o Paraná Clube na lanterna do Campeonato Brasileiro ao vencer por 3 a 1, no Mineirão. Com o resultado, a equipe mineira chegou aos 43 pontos, na oitava colocação. O Tricolor segue com apenas 17 pontos, cada vez mais próximo de confirmar seu rebaixamento.

A Raposa abriu o placar aos nove minutos do primeiro tempo, com Arrascaeta, que pegou sobra de bola para dar um lindo toque por cima de Richard e estufar a rede. Fred marcou o primeiro dele na competição, aos 14 minutos. Egídio, contra, deu um gol para o time paranista, aos 19 minutos. Depois do intervalo, Sóbis fez o terceiro, de pênalti.

Na próxima rodada, o Cruzeiro tem o clássico diante do América Mineiro, domingo, no Independência, em Belo Horizonte. Já o Paraná Clube terá pela frente o Vitória, no mesmo dia, na Vila Capanema.

Em situação muito delicada, o Tricolor da Vila tentou o primeiro ataque, com Andrey descendo pela direita e cruzado fechado para defesa de Fábio. A raposa respondeu, aos três minutos, com Rafael Sobis, que pegou sobra de bola e arrematou em cima do goleiro Richard. O time da casa mantinha a posse de bola, esperando por espaço. Até que, aos nove minutos, Fred tentou, mas a bola sobrou para Arrascaeta tocar por cima de Richard e abrir o placar.

O Paraná se mostrava muito frágil. E, aos 14 minutos, após roubada de bola, ela sobrou para Fred, o maior artilheiro da era dos pontos corridos. O atacante recebeu a área e tocou por baixo do goleiro para marcar o segundo. A equipe paranista reagiu e, aos 19 minutos, Juninho recebeu em posição duvidosa e cruzou rasteiro. A bola desviou em Egídio após toque de Alex Santana e entrou. Aos 22 minutos, mais uma finalização de Arrascaeta, mas Richard segurou.

O Cruzeiro voltou a pressionar e, aos 27 minutos, Rafael Sóbis matou no peito, girou e carimbou o travessão. O tricolor tentava ficar um pouco mais com a posse de bola, esfriando o time da casa, que já não pressionava tanto. Aos 38 minutos tabela entre Sóbis e Arrascaeta, que parou na defesa.

Para o segundo tempo, nenhuma alteração nas equipes. Logo no primeiro minuto, Sóbis foi derrubado por Igor na área e o árbitro anotou a penalidade. Na cobrança, Rafael Sóbis converteu e fez o terceiro. Com vantagem, o time mineiro já administrava mais, saindo para o jogo com tranquilidade. O Tricolor não conseguia entrar na defesa adversária.

A partida estava sob controle para a Raposa, que seguia com maior posse e atacando na boa. Aos 23 minutos, Lucas Silva arriscou de longe, por cima da meta. Autor de 140 na era dos pontos corridos, Fred saiu ovacionado para a entrada de Raniel. Aos 30 minutos, lançamento de Arrascaeta para Raniel, que pegou embaixo da bola e isolou. Sem força, o Paraná se defendia melancolicamente. Aos 37 minutos, David tirou a marcação e cruzou rasteiro para a defesa paranista afastar. Em uma chegada tímida, Mansur soltou pé, de muito longe, sem direção. Vitória tranquila da Raposa no Mineirão.

Fonte:Gazeta Esportiva ((Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro/arquivo)

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP – JORNAL FOLHA DO PROGRESSO no (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou adeciopiran_12345@hotmail.com

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: