Escolas estaduais do Pará não retomarão aulas em agosto, diz governador

image_pdfimage_print

Helder Barbalho anunciou volta atrás na previsão de reinício das aulas em agosto (Foto:Reprodução)

Helder cita “cautela” e diz que espera se basear na ciência e no cenário epidemiológico do Estado para avaliar o retorno

O governo do Estado confirmou na manhã deste quinta-feira (16) que não retomará as aulas da rede pública estadual no dia 3 de agosto, como havia sido anteriormente anunciado. A confirmação foi feita pelo governador do Estado do Pará, Helder Barbalho, em suas redes sociais, por volta das 11h30.

 

“Baseado na ciência e com muita cautela, continuaremos estudando o cenário epidemiológico do Estado e avaliando este retorno, que será apoiado por uma série de protocolos e medidas complementares, garantindo a segurança dos alunos”, justificou Helder Barbalho.

Helder fez o anúncio em vídeo gravado ao lado de Elieth de Fátima, titular da Secretaria Estadual de Educação (Seduc), e de Betânia Fidaldo, presidente do Conselho Estadual de Educação.

“Nos próximos dias, efetuaremos a 3ª recarga do vale-alimentação Escolar para todos os nossos estudantes da rede estadual. A retomada das aulas acontecerá de forma segura, para proteger nossos alunos e profissionais da educação”, disse ainda o governador.
Governo diz estar atento a alertas

“Só voltaremos às aulas na rede pública estadual baseados em ciência e cautela, como temos feito desde o início da pandemia. A volta às aulas é algo que tem que ser feito com muito critério, cuidado e rigor sanitário”, justificou o governador durante o anúncio do adiamento do retorno às escolas públicas.

“Graças a Deus, os números estão melhorando. O Pará tem sido o estado brasileiro que mais baixa o número de casos e óbitos nas últimas semanas. No entanto, há alertas importantes de cientistas e médicos para que tenhamos cuidados e sejamos cautelosos nessa volta às aulas”.

Máscaras e desinfecção de escolas

Segundo reiterou o governador, a volta às aulas na rede pública do Pará tem sido “lenta, estudada e com rigor e critério”. Helder adiantou algumas das medidas a serem tomadas. “Quando as aulas voltarem, teremos uma série de protocolos e medidas complementares que farão a diferença, como a distribuição de milhões de máscaras para os alunos e profissionais da rede pública estadual de educação”, disse Helder Barbalho.

O governador disse que cada aluno receberá um par de máscaras, confeccionadas pela Fábrica Esperança, projeto de ressocialização de detentos do sistema penal estadual.

Além da recarga do vale-alimentação da rede estadual, o governo anunciou ainda a desinfecção dos estabelecimentos de toda a rede pública estadual de ensino, além de garantias de acesso permanente a produtos de higienização nas escolas.

Nova avaliação será em 15 de agosto

O governo diz ainda que em 15 de agosto será feita uma nova avaliação da situação epidemiológica nas oito regiões do Estado, para que se possa ter, mais uma vez, a decisão clara entre se manter a suspensão ou optar pelo retorno às aulas. “Estaremos embasados nos números de casos e óbitos e nas projeções de pesquisas e números de oferta e ocupações de leitos clínicos e de UTIs no Pará”, disse Helder.

O governador disse ainda que a estimativa do percentual de presença do vírus na população paraense, a partir de pesquisa epidemiológica com testes feitos pela Universidade do Estado do Pará (Uepa), também embasará as novas decisões do governo e da Seduc sobre as retomadas das aulas.

Por:Redação integrada de O Liberal

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: