Governo envia Projeto de Lei para correção de salários dos servidores ativos e inativos

image_pdfimage_print

O anúncio foi feito nesta terça-feira, 11, pelo governador Helder Barbalho  (Foto:Bruno Cecim / Agência Pará)

O Governo do Estado encaminhou à Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) um Projeto de Lei que busca equiparar o salário base ao salário mínimo, contemplando os servidores civis ativos e inativos do Estado. Serão beneficiados 20.619 servidores civis ativos e cerca de 10.482 servidores da educação, além de 10.394 civis inativos e pensionistas.

Para o governador Helder Barbalho, “o funcionalismo público do Pará merece ter esse reconhecimento pelo trabalho que executa com total solicitude e competência. Além do mais, essa é uma dívida histórica que o governo tem com os servidores”. Com a correção, mais de 36 mil colaboradores terão esse direito assegurado, com o retroativo a janeiro de 2020.

A secretária de estado de Planejamento e Administração (Seplad), Hana Ghassan, destacou que, mesmo diante da crise causada pela pandemia, e seus impactos nas contas públicas, o governo considerou a importância da medida para a recomposição do vencimento básico do servidor, adequando-o ao valor do salário mínimo.

Por:Redação integrada (Com informações da Agência Pará)

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: