Grêmio e Internacional empatam pelo Brasileirão

image_pdfimage_print

No sexto Gre-Nal de 2020, o Grêmio recebeu o Internacional e empatou por 1 a 1, em duelo válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Após primeiro tempo pouco movimentado, não faltou emoção na etapa final. Os gremistas abriram o placar com Pepê logo aos sete minutos e ficaram com um jogador a mais após cartão vermelho de Musto. Mas o Colorado reagiu com um a menos, empatou com Thiago Galhardo cobrando pênalti e ainda viu Cortez ser expulso pelo outro lado.

Foi o sexto Gre-Nal de 2020 e o segundo terminado em empate. Os outros quatros foram vencidos pelo Grêmio, que ainda não tinha sido vazado nos clássicos até o gol de Galhardo.

Com o resultado, o Colorado se manteve na vice-liderança do torneio naciocal, agora com 22 pontos somados, contra 24 do 1º colocado Atlético-MG. Já o Grêmio chegou aos 14 e ultrapassou provisoriamente o Corinthians para assumir o 14º lugar.

O jogo

Em jogo mais truncado no primeiro tempo, apenas uma chance de gol para cada lado. Aos 15 minutos, Cuesta lançou Heitor, que ganhou da marcação no domínio e bateu cruzado rente a trave de Vanderlei. Já aos 38, Lucas Silva driblou Patrick e arriscou bomba da intermediária, para grande defesa de Marcelo Lomba.

Se a primeira etapa foi de poucas chances, a segunda foi repleta de emoções. Logo aos sete minutos, Pepê recebeu bola na ponta esquerda e tocou para Diego Souza. O camisa 9 fez o pivô e devolveu para o jovem, que invadiu a área e tocou por cobertura da saída de Lomba.

Pepê, que já havia marcado na vitória do Grêmio pelo Gre-Nal da Libertadores, no Beira-Rio, voltou a brilhar, agora na Arena pelo Brasileirão.

Depois do gol, Coudet promoveu mudanças, colocando Pottker e D’Alessandro nos lugares de Boschilia e Abel Hernández. A entrada deu certo no primeiro momento, com o meia argentino deixando Thiago Galhardo na cara do gol, aos 20 minutos, mas o artilheiro do Brasileirão bateu cruzado para fora.

Aos 24 minutos, o Inter, que já estava atrás do placar, perdeu um jogador. Musto acertou o rosto de Diego Souza e recebeu cartão vermelho direto após consulta de Raphael Claus ao VAR.

Quando a situação parecia irreversível para o Colorado, Cortez colocou a mão na bola em lance de Edenílson e Claus marcou pênalti em nova consulta ao VAR. Aos 29 minutos, Galhardo partiu para a cobrança e converteu – foi o primeiro gol do Inter em Gre-Nais no ano.

O dia ruim de Cortez não parou por aí. Aos 36 minutos, o lateral acertou Cuesta, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso, deixando ambos os lados com dez jogadores.

Por:Gazeta Esportiva (foto: Ricardo Duarte/arquivo)

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: