Homem acusado de duplo homicídio em Novo Repartimento é preso em Minas Gerais

image_pdfimage_print

(Foto:Reprodução) – A ação contou com uma parceria entre a Polícia Civil do Pará e de Minas Gerais, e da PRF

João Pedro Bernardes Aguiar de Oliveira, acusado de assassinar duas pessoas em um bar no centro do município de Novo Repartimento, sudeste do Pará, com características de execução e por motivo fútil,  foi preso no início da tarde deste domingo (30), pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na cidade de Ipatinga, no estado de Minas Gerais. A ação à prisão do acusado contou com uma parceria entre a Polícia Civil do Pará e de Minas Gerais, e da PRF.

O crime ocorreu por volta das 3h da madrugada, do dia 10 de maio deste ano. E, segundo a Polícia Civil, após a prática do crime, João Pedro fugiu e se escondeu em uma das fazendas do seu pai, no município de Frei Inocêncio,em Minas Gerais.

Imagens obtidas pela Redação Integrada mostram oito pessoas – apenas uma era mulher – em um estacionamento de uma loja de conveniência. Havia desentendimento entre alguma delas. Um deles, que segundo a polícia, é João de Oliveira, saca uma arma e dá vários tiros contra dois homens, que, mesmo baleados no chão, levam tiros na cabeça. Todas outras pessoas saíram correndo do local. Logo depois dos crimes, o acusado volta para um carro branco, o qual ele mesmo conduzia, e foge.

A Polícia Civil do Pará passou investigar o crime e representou pela prisão preventiva do acusado. O pedido foi atendido pelo Poder Judiciário, após parecer favorável do Ministério Público local.

Em seguida, se iniciaram as diligências de buscas que culminaram com a localização do esconderijo do acusado.

Em parceria com a Polícia Civil de Minas Gerais, João Pedro passou a ser monitorado. Até que neste domingo (30), foi preso pela Polícia Rodoviária Federal, na cidade de Ipatinga (MG).

O acusado foi apresentado na Delegacia de Polícia Civil local, onde os procedimentos são lavrados, segundo informa a Polícia Civil.

A investigação do duplo homicídio atribuído ao João Pedro, bem como a sua prisão, contou com a parceria dos policiais civis da Delegacia de Novo Repartimento e da Superintendência Regional do Lago de Tucuruí, esta tendo à frente o delegado Rommel Souza, que coordena as investigações e operações nos sete municípios que compõem a área de influência da Usina Hidrelétrica de Tucuruí. Além da Delegacia de Governador Valadares, em Minas Gerais, e da PRF.

Por:Cleide Magalhães

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: