INSS vai inspecionar as 15 agências que retomaram as atividades presenciais no Pará

image_pdfimage_print

Objetivo é garantir que o serviço seja oferecido à população (Foto:Claudio Pinheiro / O Liberal)

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) vai fazer uma inspeção nas 15 agências que retomaram as atividades presenciais no Pará na segunda-feira (14) da semana passada.

“Por demanda da Perícia Médica Federal, o INSS começou, desde a quinta-feira (10), em todo o Brasil, a cumprir este compromisso de fazer as adequações o mais célere possível, para que o serviço possa ser oferecido à população”, informou o órgão à reportagem por meio de nota. Perguntado sobre a quantidade de peritos que podem retornar ao trabalho caso as agências estejam aptas a funcionar após as inspeções, o instituto não respondeu.

De acordo com o Ministério da Economia, à medida que novas agências da Previdência Social forem inspecionadas e consideradas adequadas para a prestação do atendimento presencial pela Perícia Médica Federal, serão publicados novos editais de convocação”, para que peritos médicos federais e supervisores médico-periciais voltem a atender nas agências inspecionadas. As datas de realização das inspeções serão divulgadas, oportunamente, à imprensa, segundo a equipe do INSS. “Comprovando-se a adequação dos consultórios, a perícia retomará o atendimento nessas unidades”, dizia a nota.

Após o retorno de várias agências no Brasil, médicos peritos alegaram que o órgão não está em condições seguras para a retomada do atendimento durante a pandemia. Porém, o presidente do INSS, Leonardo Rolim, disse que os trabalhadores têm interesse político por trás da decisão de não retornar ao trabalho. Por conta disso, ele confirmou a ameaça feita pelo governo na última quinta-feira (17) de cortar do salário dos médicos peritos os dias não trabalhados.

Enquanto o serviço de perícia médica estiver suspenso, serão concedidas antecipações, no valor de um salário mínimo, aos segurados que tiverem direito aos benefícios por incapacidade. Os demais serviços podem ser acessados pelo Meu INSS (gov.br/meuinss ou aplicativo) ou pela Central 135. O INSS ressalta que a avaliação social, o cumprimento de exigência, a justificação administrativa e a reabilitação profissional, que são os serviços de atendimento prioritário nas agências, devem ser agendados.

Por:Redação Integrada

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: