Militar suspeito de matar jogador é procurado

image_pdfimage_print

(Foto: Reprodução Facebook) -Edimar Padilha, jogador de futebol americano, foi morto a tiros nesta quarta-feira (2). A ex-namorada do suspeito de matar Edimar Padilha, jogador de futebol americano morto a tiros nesta quarta-feira (2), prestou depoimento na Delegacia do Atalaia na tarde desta quinta(03). De acordo com a Polícia Civil, os detalhes do depoimento da mulher foram extremamente importantes para a investigação do caso.

Edimar foi morto com três tiros quando chegava em sua residência, na Rua Coronel Neves no bairro do Una. O suspeito do homicídio é um militar do exército, ex-namorado da jovem com quem Edimar estava se relacionando e que depôs nesta quinta. O militar está foragido até o momento, mas a polícia trabalha para tentar localizá-lo.

Uma testemunha presenciou o assassinato e contou à polícia que o militar foi o responsável por disparar quatro tiros contra a vítima, dos quais três atingiram Edimar Padilha.

Segundo a Polícia Civil, o crime foi passional, , uma vez que a vítima era companheiro da ex-mulher do acusado, que nutria ciúmes da mulher. As circunstâncias do homicídio ainda estão sob apuração.

(DOL)

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro)   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: