Morre mestre de carimbó Dico Boi de Santarém Novo

image_pdfimage_print

O mestre pertencia a Irmandade do Carimbó de São Benedito e ao grupo “Os Quentes da Madrugada”
Mestre Dico Boi foi uma referência no carimbó de Santarém Novo e do Pará. (Foto:Arquivo pessoal / Isaac Loureiro)

O carimbó paraense perdeu na tarde desta sexta-feira (21) mais uma grande referência, o mestre Dico Boi, com 76 anos, de Santarém Novo. O mestre da Irmandade de Carimbó de São Benedito e do grupo de Carimbó “Os Quentes da Madrugada” era perito no curimbó, um dos instrumentos mais tradicionais do carimbó e que dá ritmo à música.

Segundo uma das membras da Irmandade de Carimbó de São Benedito, Solange Loureiro Bragança, mestre Dico Boi era diabético e teve complicações renais. Há um ano mestre Dico foi diagnosticado com uma inflamação na próstata no ano passado, porém resistia em procurar ajuda médica. Após familiares constatarem que a urina do mestre estava com sangue ainda o levaram para o hospital, mas a infecção se agravou.

Mesmo doente mestre Dico Boi se recusava a parar de tocar carimbó. Com toda a dificuldade, ele colocava uma almofada no curimbó para se apresentar junto com “Os Quentes da Madrugada” e a Irmandade do Carimbó de São Benedito. “Desde o ano passado, ele estava muito debilitado. Ele tocava nas noites do barracão, para não se cansar muito havia um substituto, um rapaz que ele mesmo ensinou a sua batida, o Mauro. Mesmo que ele não tocasse ficava ali perto”, relembra Solange.

Mestre Dico Boi participou da gravação do único CD de “Os Quentes da Madrugada”, grupo que ganhou o nome por reunir vários mestres e chegar para tocar nas festas quando os participantes já estavam “quentes”. Desde criança mestre Dico fazia parte da irmandade influenciado pelo pai. Ao longo da vida ganhou o título de mestre de carimbó também pelo zelo com que ensinava um dos maiores ritmos paraense para as novas gerações. Mestre Dico Boi também tocou com a cantora Gaby Amarantos.

“Ele era uma grande referência. Está todo mundo muito triste. Há muitas homenagens nas redes sociais, a comunidade toda de Santarém Novo está triste”, complementou Solange. O velório do mestre Dico Boi ocorrerá na própria residência na tarde deste sábado (22).

Por:Redação Integrada
21.08.20 20h49

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com e/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: