Mototaxistas não credenciados protestam contra apreensão de motos e cobram mais vagas de mototáxi

image_pdfimage_print

Mototaxistas fecharam o trânsito no cruzamento das avenidas Rui Barbosa e Barão do Rio Branco, em Santarém — Foto: Pedro Édipo/Arquivo perssoal

Categoria fechou o trânsito no centro comercial e fez buzinaço em frente à Câmara Municipal e Prefeitura de Santarém.

Mototaxistas não credenciados que atuam no transporte individual de passageiros em Santarém, oeste do Pará, fizeram uma manifestação na manhã desta terça-feira (7), em protesto contra as fiscalizações realizadas pela SMT (secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito) que têm resultado na apreensão de motos. Eles também cobram a abertura de mais vagas para o serviço de mototáxi.

De acordo com um dos manifestantes, as fiscalizações realizadas nas últimas semanas pela SMT são vistas pela categoria como perseguição. “A legislação brasileira nos dá direito ao trabalho. Então, já que a Prefeitura não oferta esse trabalho à população, tem nos deixar trabalhar. Nós só queremos garantir o sustento das nossas famílias. As motos que estão sendo apreendidas são motos que estão em dia, os condutores são habilitados. Então, essa apreensão é ilegal”, disse um dos manifestantes.

mtx2Mototaxistas em frente à Câmara Municipal de Santarém — Foto: Dominique Cavaleiro/G1

No início da manifestação, os mototaxistas fecharam o cruzamento das avenidas Barão do Rio Branco e Rui Barbosa, no centro comercial, deixando o trânsito parado por alguns minutos. Depois seguiram para a frente da Câmara Municipal de Vereadores, onde fizeram buzinaço. Também foram até à Prefeitura para tentar uma audiência com o prefeito Nélio Aguiar, mas no local, foram informados que ele não estava.

Ficou acertada uma reunião com uma comissão de vereadores para a manhã de quarta-feira (8). Dependendo do andamento da reunião, novas interdições de ruas podem ser feitas pelos mototaxistas não credenciados.

Por G1 Santarém — PA

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: