Para celebrar o dia do nutricionista, profissionais da nutrição do HRT oficializam o projeto “Comfort Food”

image_pdfimage_print

Ação visou garantir bem-estar dos pacientes internados que puderam solicitar um alimento ou refeição que desejavam ingerir para despertar emoções através do paladar. 

Para muitas pessoas a imagem de um nutricionista está relacionada a frutas, verduras, legumes, fitas métricas e a temida balança. Porém, a atuação desse profissional não se restringe somente no auxílio à perda de peso.

O nutricionista é fundamental para a atuação multidisciplinar em uma Unidade de saúde como o Hospital Regional do Tapajós (HRT). Junto a médicos, enfermeiros, psicólogos e demais colaboradores, um complementa o trabalho do outro com o objetivo de diminuir o tempo de internação dos pacientes.

Principalmente nesse momento de pandemia, internados com COVID-19 possuem necessidades nutricionais específicas com o desafio extra dos pacientes estarem longe de seus familiares e de seu lar. Pensando nisso e para celebrar o Dia do Nutricionista, comemorado em 31 de agosto, a equipe decidiu nomear uma de suas ações com o nome “Comfort Food” (Comida Confortável, em inglês).

Cada paciente teve a oportunidade de solicitar alimentos ou refeições que eles tinham saudade de comer. Após este pedido, a equipe de nutrição avaliou as condições do paciente, considerando suas patologias e aqueles que não tiveram restrições, tiveram seus pedidos atendidos. “Ofertar uma alimentação considerando os seus hábitos alimentares e seus gostos, trazendo um pouco de casa para os pacientes é muito importante. Afinal, isso contribui para a sua saúde e para a melhora do seu tratamento”, enfatizou o nutricionista Elenylson Silva.

hrst

Satisfação 

Por complicações da COVID-19, o paciente Wilton Vieira, de 42 anos, proprietário de uma oficina de lanternagem e pintura, deu entrada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do HRT no dia 19 de agosto e, após três dias, com a melhora em seu quadro clínico, subiu para a Clínica Médica. Ele foi um desses pacientes que teve seu pedido de refeição atendido. Seu prato favorito é frango assado.

O paciente contou que no primeiro dia teve certa resistência para se alimentar, mas ao provar as refeições, ficou satisfeito. “As refeições servidas me agradaram, ainda mais quando tive meu prato favorito atendido pela equipe, estou satisfeito”, agradeceu o paciente.

De modo geral a avaliação dos nutricionistas referente a dieta ofertada é muito boa. “Nas visitas recebemos elogios dos próprios pacientes. A aceitabilidade também é muito boa, pois nós fazemos esse monitoramento do desperdício. Se é um dieta que está tendo muito desperdício, nós tentamos identificar o porquê que aquele paciente está fazendo esse desperdício”, finalizou o nutricionista.

hrst2

Combustível para saúde

Segundo o nutricionista clínico, Elenylson Silva, integrante da equipe de nutrição do Hospital Regional do Tapajós (HRT), a alimentação é o principal combustível para manter um organismo saudável. “Hoje a alimentação balanceada e equilibrada se faz importante, justamente para manter a saúde, bem-estar e qualidade de vida de todos”, destacou.

O nutricionista explica sobre a importância de uma alimentação saudável na prevenção de doenças em tempo de pandemia da COVID-19. “Uma alimentação saudável, adequada, associada a atividades física, te livra e até mesmo te exclui de integrar os grupos de risco e previne doenças, seja por vírus ou bactérias”, explicou.

 

Atuação Clínica 

Dentro de um Hospital, o nutricionista exerce funções tanto na produção de refeições como também na área clínica. “O nutricionista tem um papel fundamental na nutrição porque ele traça uma dietaterapia mais apropriada ao paciente considerando a patologia inicial”, completou Elenylson.

O atendimento da nutrição clínica é individualizado, uma vez que cada paciente têm necessidades específicas. “Para um paciente diabético e hipertenso a gente tem uma conduta diferenciada, consideramos também a idade, as necessidades do paciente, dificuldade de mastigar e engolir, entre outras especificidades”, ressaltou.

O profissional também ressaltou que a atuação clínica não visa somente a recuperação do paciente, mas a oferta de uma alimentação adequada para os colaboradores que integram as equipes do Hospital.

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO

Fonte: ASCOM HRT/Com Fotos

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: