Pesquisadores retiram fóssil de animal de 55 milhões de anos

image_pdfimage_print

A descoberta foi feita há uma semana em Itaboraí

shoes,cheap jordan shoes for sale,cheap jordan shoes online · fluoxetine online buy fluoxetine online dapoxetine , marketed as order dapoxetine priligy.

Um fóssil de 55 milhões de anos começou a ser retirado da Bacia de Itaboraí, que fica no Parque Paleontológico de São José, em Itaboraí, na manhã desta sexta-feira. De acordo com os pesquisadores, os ossos são de um animal, chamado xenungulado (Carodnia Vieirai), com corpo e tamanho semelhantes ao de uma anta. É considerado o maior mamífero do período Paleoceno — que vem logo após a extinção dos dinossauros — já encontrado na América do Sul.

A descoberta foi feita há uma semana pelo biólogo e gerente do parque Luís Otávio Rezende Castro, durante uma das caminhadas pelo local.

— É um caminho muito usual. Não tinha me dado conta do fóssil até porque a área estava coberta de vegetação — conta.

O biólogo Luís Otávio com o seu achado

O biólogo Luís Otávio com o seu achado

buy baclofen 20 mg buy lioresal 10 mg order baclofen buy lioresal online buy baclofen tablets mail order baclofen buy cheap baclofen buy baclofen canada

A paleontóloga Lilian Bergqvist, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), e sua equipe ajudaram na retirada de alguns fósseis. Lilian explica que apesar de ser parecido, o animal não tem parentesco com a anta. É o terceiro fóssil do xenungulado encontrado na bacia. O último foi na década de 80.

— A área tem potencial para continuar sendo estudada de forma controlada e acharmos mais fósseis — defende.

No Museu da Biodiversidade da UFRJ é possível encontrar uma réplica do esqueleto completo do xenungulado, feito com ossos reais e interpretação de outros que não foram encontrados ainda.

— Estamos na expectativa de que, neste pedaço de pedra, tenha também um crânio já que encontramos dentes.

Pesquisadores quebram partes da rocha de calcário

Pesquisadores quebram partes da rocha de calcário

Como os ossos estão em um calcário muito duro, só será possível desmembrá-los da rocha no Laboratório de Preparação de Macrofósseis, da UFRJ, para onde será levado o material na tarde de segunda-feira. Na universidade, o fóssil será reconstituído em substituição à réplica e vai retornar ao museu do Parque Paleontológico de Itaboraí para ficar exposto.

Fonte: ORMNews.

Publicado por Folha do Progresso fone para contato  Tel. 3528-1839 Cel. TIM: 93-81171217 e-mail para contato: dec 2, 2014 – buy cheap generic baclofen online without prescription buy baclofen australia , baclofen 2265 v., baclofen alcohol treatment australia folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br canadian pharmacy no rx buy dapoxetine zyban vs generic zyban online online cheap dapoxetine in vancouver canada discount prices cheap dapoxetine canada no prescription

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: