Polícia apreende Bitrem que fora carregado em Novo Progresso com madeira ilegal em MS

image_pdfimage_print

(Foto: Divulgação, PMA)  Na mesma operação a  Polícia apreendeu cinco carretas com madeira ilegal da Amazônia em Mato Grosso do Sul.

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Costa Rica apreendeu cinco carretas com carga total de 176,29 m³ de madeira irregular e autuou cinco empresas em R$ 54 mil. Segundo a PMA, a apreensão aconteceu durante fiscalização na rodovia MS-306 no município de Costa Rica, na região de divisa de Mato Grosso do Sul com Mato Grosso e Goiás.

Segundo a polícia, as carretas vieram da Amazônia carregadas com madeira e documentação irregular. Os policiais verificaram que o DOF (Documento de Origem Florestal) não constava o itinerário de deslocamento, o que torna sem valor o documento. Ainda de acordo com a PMA, a exigência no documento ambiental de transporte é obrigatória e sua falta constitui-se em crime e infração administrativa.

A identificação do itinerário serve para evitar que se retirem madeiras ilegais de outros locais com o mesmo documento. O segundo, tratava-se de carga em excesso ao que constava na nota fiscal e no Documento de Origem Florestal.

Ao todo foram apreendidos um veículo Scania com carreta acoplada, que fazia o percurso de onde carregara, da cidade de Nova Monte Verde (MT) para a cidade Indaiatuba (SP) e transportava 41,043 m³ de madeira e outro veículo também marca Scania, que fazia o mesmo percurso e transportava 32,308 m³ de madeira. As empresas proprietárias da madeira, ambas com domicílio jurídico em Monte Verde (MT), foram autuadas e multadas administrativamente respectivamente em R$ 12.600,00 e R$ 9.900,00.

Um caminhão marca Iveco que carregou na cidade de Alta Floresta (MT) e seguia para Indaiatuba (SP) transportava 26,068 m³ de madeira. Outro veículo marca Volvo, que também saíra de Alta Floresta e seguia para São Paulo (SP) transportava 32,25 m³. As empresas, ambas com domicílio jurídico em Alta Floresta, foram autuadas administrativamente respectivamente em R$ 8,100,00 e R$ 9.900,00.

Por último, um caminhão com carreta Bitrem que fora carregado em Novo Progresso (PA) e seguia para Atibaia (SP) também foi apreendido e a empresa, com domicílio jurídico em Novo Progresso, foi autuada administrativamente e foi multada em R$ 13.500,00.

Todos os veículos e cargas apreendidos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Costa Rica, juntamente com os motoristas e os responsáveis pelas empresas responderão por crime ambiental e poderão pegar pena de seis meses a um ano de detenção.

Fonte:Diego Alves Em 20h56 – 09/09/2020
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com e/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: