Polícia do Pará prendeu padre da Pastoral da terra, em Anapu.

image_pdfimage_print

Liderança da Comissão Pastoral da Terra é presa por suspeita de extorsão e assédio sexual em Anapu (Foto Reprodução G1)
    
 Padre José Amaro era considerado braço direito da missionária norte americana Dorothy Stang, assassinada em 2005. Ele é investigado por extorsão, ameaça, esbulho possessório e assédio sexual.

A Polícia Civil investiga o envolvimento do padre José Amaro nos crimes de extorsão, ameaça, assédio sexual e esbulho possessório, quando uma terra é tirada do dono de forma violenta. Ele foi preso na rodoviária de Anapu, no sudoeste do Pará, na manhã desta terça-feira (27). O padre é ouvido durante esta manhã na sede da Superintendência Regional da região do Xingu, em Altamira.

O religioso é uma das mais influentes lideranças da Comissão Pastoral da Terra na região de Anapu, marcada por conflitos agrários. José Amaro era considerado braço direito da missionária norte americana Dorothy Stang, assassinada em 2005, e deu prosseguimento ao trabalho depois da execução dela.

O bispo emérito Dom Erwin Krautler, da Prelazia do Xingu, esteve no local e informou apenas que o caso é acompanhado pelo advogados da institução. A Comissão Pastoral da Terra informou que, por enquanto, não vai se pronunciasr sobre o assunto.

Durante a operação, foram cumpridos ainda mandados de busca e apreensão na casa e na paróquia do padre, que fica em Anapu.

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO no (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

Por G1 PA, Belém

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: