Prefeito confessa em CPI que o decreto de emergência com data retroativa foi para legalizar compras sem processo licitatório

image_pdfimage_print

Prefeito Joviano de Almeida na CPI do Decreto de Emergência confessa crime.

Hoje na CPI do Decreto de Emergência  “CPI do Joviano” official drugstore, order related tags: price of amoxil, amoxil capsule, purchase amoxil online, buy cheap amoxil, amoxil tablet, buy generic amoxil, amoxil antibiotic , amoxil 400 mg,  fluoxetine online . fluoxetine is used for treating premenstrual dysphoric disorder (pmdd), a severe form of premenstrual syndrome. o prefeito em exercício foi ouvido pelos vereadores.

purchase discount medication! purchase prednisone no prescription . approved pharmacy, buy prednisone online now. “Não sei, não sabia, são palavras foi a maior parte das respostas do prefeito.”

O prefeito confessou o crime cometido pelo Decreto de Emergência na frente dos vereadores membros da comissão que investiga a denuncia, Joviano simplesmente afirmou que não sabia que o Decreto não havia sido publicado 100 dias depois e que fez o decreto com a data retroativa para legalizar compras feitas 100 dias antes sem processo licitatório. Joviano tentou driblar a legislação, mentiu e abusou do poder com uso de um decreto retroativo para cobrir a falta e tentar validar a emergência. “Fui tomar ciência que não havia publicado depois de 100 dias hoje aqui na audiência (CPI) da publicação do Decreto, disse o Prefeito investigado.

cod prozac next day delivery buy prozac online utah best place to buy prozac uk cash on delivery prozac cheap real prozac for sale cheap prozac for sale with

2016-02-03 14.18.27

Fonte/Fotos: Redação Jornal Folha do Progresso

%d blogueiros gostam disto: