Repórter é xingada e agredida em unidade de saúde por funcionário

image_pdfimage_print

A matéria que a jornalista fazia não tinha relação com o local (Foto:Reprodução)

A repórter Julie Alves, do programa ‘Fala Baixada’, da CNT, foi agredida em uma unidade de saúde em Japeri, região metropolitana do Rio de Janeiro na tarde da última quinta-feira (24). O cinegrafista que a acompanhava também foi alvo das agressões e precisou ser atendido junto com a repórter no posto de saúde.

As agressões foram feitas por um funcionário público, que também foi racista com os jornalistas. “Ele me chamou de macaca, de piranha, de mandou para a p… que pariu. Isso nunca tinha acontecido comigo. Estou péssima”, informou a repórter. A reportagem de Julie Alves não tinha relação direta com a unidade de saúde, mas com um lixão vizinho ao prédio público.

Por:Redação Integrada com informações de O Dia

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: