Reservatório de água desaba provocando mortes e destruição em Almeirim, no Pará

image_pdfimage_print

Pacientes da unidade de saúde de Almeirim atingida por escombros precisaram sair às pressas — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Uma unidade de saúde e uma residência próximas ao reservatório foram parcialmente destruídos pelos escombros. Há registros de feridos.

Um reservatório de água construído recentemente em Almeirim, oeste do Pará, partiu ao meio e desabou na tarde desta quarta-feira (5). Até a publicação desta reportagem, havia o registro de três mortes e mais de uma dezena de pessoas feridas. Duas das pessoas encontradas mortas trabalhavam na obra do reservatório.

De acordo com informações do secretário de Governo de Almeirim, Weider Carvalho Lobato, o desabamento aconteceu por volta das 17h, atingindo parte da unidade de saúde do bairro centro, que faz a triagem de pacientes com suspeita de Covid-19, e também uma residência vizinha. Alguns pacientes e profissionais de saúde que estavam na unidade sofreram ferimentos.

“Desde o momento que soubemos dessa tragédia a prefeita Adriane Bentes mobilizou as secretarias municipais e demais órgãos para tomar as providências necessárias para socorro às vítimas. Uma base da Marinha do Brasil está dando todo o apoio na retirada dos escombros, a Polícia Militar está na área ajudando nas buscas a possíveis vítimas e também garantindo o isolamento da área, e a nossa guarda municipal também está no local dando todo o suporte, além dos nossos profissionais de saúde”, relatou o secretário de Governo Weider Lobato.

destroição4
Escombros do reservatório de água recém construído em Almeirim — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Ainda de acordo com o secretário, o sistema de água ainda não havia sido repassado à administração municipal. A obra construída com recursos da Funasa e Governo do Estado do Pará, estava em fase de teste pela construtora responsável, a Ditron Engenharia. O reservatório tinha capacidade para 100 mil litros de água e está enchendo quando a estrutura rompeu.

O engenheiro responsável pela obra estava em Almeirim, mas não foi visto depois do desabamento do reservatório e ninguém da prefeitura havia conseguido contato com ele até às 20h30.

destroição3
Unidade de Saúde do bairro centro, em Almeirim, ficou parcialmente destruída após ser atingida por escombros de reservatório de água — Foto: Reprodução/Redes sociais

Por: Sílvia Vieira, G1 Santarém — PA

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: