Sóbis faz três, Cruzeiro arrasa Inter e aumenta jejum colorado

image_pdfimage_print

De um lado do estádio Independência, o Cruzeiro, do outro, o Internacional. Em comum, a situação complicada no Campeonato Brasileiro. Diferente, a atuação da Raposa que mesmo saindo atrás com gol de Seijas, virou e garantiu a vitória por 4 a 2, na partida desta noite, válida pela 18ª rodada da competição. Os donos da casa puderam contar com a estrela de Rafael Sóbis, autor de três gols; Ábila também deixou o dele e Alex descontou.
Apesar da vitória, a equipe, que deu fim a uma sequência de seis derrotas seguidas, se manteve na zona de rebaixamento com 18 pontos, dois a menos que o 16º colocado Figueirense. Já o Inter, apesar de somente namorar com o Z4 estendeu o para 10 o jejum de partidas sem conquistar os três pontos. O time comandado por Paulo Roberto Falcão assume o 14º lugar com 21 pontos.
Pela última rodada do primeiro turno do Brasileirão, os celestes viajam para São Paulo, para encarar o Corinthians, na próxima segunda-feira. Já os colorados recebem o Fluminense no domingo.
O jogo – Nem os mais otimistas dos colorados poderiam imaginar um começo tão bom no confronto do Mineirão; logo aos 2 minutos, Seijas aproveitou cruzamento de Valdívia para abrir o placar. Apesar do começo surpreendente, os vistantes começaram a mostrar que não teriam condições de sustentar o triunfo.
Sem se abalar após o gol, a equipe comandada por Mano Menezes não demorou muito para empatar. Aos 13 minutos, Rafael Sóbis já deu o primeiro passo rumo ao hat-trick; recebeu boa bola de Robinho e não perdoou.
Logo em seguida, aos 16 minutos, os donos da casa alcançaram a virada com Ábila fazendo belo gol, pegando de primeira o cruzamento de Arrascaeta; a bola ainda tocou a trave antes de entrar.
O Cruzeiro mantinha a superioridade, propondo um jogo de posse de bola e se mantendo no campo de ataque. O inter, por sua vez, seguia apresentando problemas e só voltaram a assustar o goleiro Fábio aos 38 minutos, com Nico López recebendo livre, na entrada da área e chutando para fora.
Logo após a chance adversária, os celestes, que seguiam melhores no confronto, ampliaram a vantagem aos 40 minutos, com Sóbis aproveitando rebote do chute de Ávila que explodiu no travessão.
Com os três pontos praticamente garantidos, os mineiros administravam o resultado, mas não quiseram saber de diminuir a intensidade. Aos sete minutos da segunda etapa, Sóbis fez seu terceiro gol (quarto da Raposa); o camisa 7, após bela tabela de Edimar e Arrascaeta, recebeu do meia argentino e finalizou de pé canhoto, sem chances para Marcelo Lomba.
O duelo acabou esfriando e passou a ficar muito parado no meio campo. O Inter até que esboçou uma pressão, mas não conseguia ser tão efetivo. Até conseguiu diminuir, com Alex convertendo pênalti aos 28 minutos, mas não foi o suficiente para a reação gaúcha.
Sem tempo para mais nada e com boa vantagem, o Cruzeiro conseguiu sair com a vitória importante, respondendo ao apoio da torcida celeste. 4 a 2 no Horto.

Fonte: Gazeta Esportiva

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro)   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: