Regional do Baixo Amazonas é equipado com novos leitos e aparelhos

Novos aparelhos substituíram equipamentos antigos  -(Fotos:Instituto Mais Saúde)

Estado entrega 140 novas camas automáticas para unidade e mais 89 aparelhos para renovação de parque tecnológico

O Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), no município de Santarém, oeste do Pará, recebeu novos equipamentos do Governo do Estado. Ao todo, o espaço recebeu 140 novas camas hospitalares, motorizadas e com regulagem de altura.

A novidade foi percebida pelo seu Raimundo Nonato Nogueira, de 67 anos, que precisou dar entrada no hospital e se internar. O idoso é natural de Monte ALegre e já é paciente do HRBA desde o ano passado, onde faz tratamento e há nove dias precisou retornar e ser hospitalizado.

O seu Raimundo está em uma cama automática e disse que se sente bem mais confortável com a nova acomodação. “Essa cama é uma delícia. Faz muita diferença. Para mim, está muito bom”, contou.

A entrega das novas camas foi feita pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) após doação da empresa Vale S.A. Os novos leitos substituíram as camas antigas e foram distribuídos pelos setores do HRBA. A Clínica Cirúrgica, a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Adulto, a Clínica Médica e o Acolhimento foram as áreas que receberam o maior número de camas novas. Ao todo, o hospital tem 153 leitos.

“Os pacientes ficaram muito felizes, principalmente os oncológicos que acabam internando muitas vezes. Aumentamos o conforto. As camas são automáticas e com isso eles conseguem sentar confortavelmente, manusear para uma posição mais adequada, além de reduzir o risco de queda”, disse a gerente assistencial Nerllem Maschmann. Ainda segundo Nerllem, “foram priorizados setores em que a unidade recebe usuários de longa permanência”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Novos equipamentos no parque tecnológico

Além dos novos leitos, a unidade renovou mais uma parte do parque tecnológico. Em outubro, 89 novos equipamentos foram entregues à unidade e foram instalados e distribuídos pelo hospital.

O HRBA recebeu do Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) dois equipamentos de Ultrassom e a Sespa foi a responsável pela entrega, sendo: dez incubadoras neonatal; uma torre de vídeo 4K para a realização de cirurgias de videolaparoscopia; sete dermátomos elétricos; cinco estações do exame MAPA.

Além destes, na lista há também um eletrocardiógrafo; um oftalmoscópio; além de bombas de infusão, balanças digitais, monitores e ventiladores. “A atualização do parque tecnológico tende a melhorar ainda mais a assistência ao nosso paciente, garantindo o atendimento de excelência à nossa população”, ressaltou o supervisor de engenharia clínica do HRBA, Heleson Alho.

O Regional possui um parque tecnológico com aproximadamente dois mil equipamentos de atendimento à saúde. Os novos aparelhos também são utilizados na abertura de 20 novos leitos, dez de UTI Adulto e dez de UTI Neonatal, que vai atender os pacientes que seriam recebidos pelo Hospital Municipal de Santarém. A unidade local teve as atividades paralisadas devido a um incêndio ocorrido em setembro deste ano.

“O Hospital Regional do Baixo Amazonas é fundamental para a prestação de um serviço de saúde de excelência no interior do estado. Diante disso, a Secretaria de Saúde decidiu equipar ainda mais a unidade com leitos e aparelhos de tecnologia de ponta, para oferecer o melhor serviço aos paraenses e isso passa pela renovação constante dos equipamentos utilizados”, explicou a Secretária de Estado de Saúde Pública, Ivete Gadelha Vaz.

Serviço – Localizado no oeste do Pará, o HRBA é referência em média e alta complexidade. A unidade fica na avenida Sérgio Henn, nº 1100, no bairro Diamantino, em Santarém.

Fonte: Ascom / HRBA/ Publicado Por: Jornal Folha do Progresso em 23/11/2023/10:38:55

Notícias gratuitas no celular

O formato de distribuição de notícias do Jornal Folha do Progresso pelo celular mudou. A partir de agora, as notícias chegarão diretamente pelo formato Comunidades, uma das inovações lançadas pelo WhatsApp. Não é preciso ser assinante para receber o serviço. Assim, o internauta pode ter, na palma da mão, matérias verificadas e com credibilidade. Para passar a receber as notícias do Jornal Folha do Progresso, clique no link abaixo e entre na comunidade:

*     Clique aqui e acesse a comunidade do JORNAL FOLHA DO PROGRESSO

Apenas os administradores do grupo poderão mandar mensagens e saber quem são os integrantes da comunidade. Dessa forma, evitamos qualquer tipo de interação indevida. Sugestão de pauta enviar no e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com.

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835– (93) 98117 7649.
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

https://www.folhadoprogresso.com.br/pin-up-brasil-uma-nova-era-em-jogos-on-line/




Ibama apreende madeira ilegal em Rurópolis, no Pará (PA)

Duas madeireiras foram autuadas e multadas em mais de R$ 10 milhões  (fotos:Divulgação IBABA)

A Operação Custódia, conduzida pelo Ibama, apreendeu mais de 1.100 m³ de madeira ilegal e dois tratores, além de embargar e multar em R$ 12 milhões duas madeireiras localizadas no município de Rurópolis, oeste do Pará. A ação se concentrou nas Terras Indígenas (TI) Cachoeira Seca e Arara e foi realizada em conjunto com a Polícia Federal (PF), entre os dias 10 e 19 de outubro.

As empresas foram autuadas por apresentarem informações falsas no Sistema de Controle de Matéria Prima Florestal (Sisflora), por causarem poluição ao depositar resíduos de serraria a céu aberto e por terem em depósito madeira sem comprovação de origem.

Há indícios de que a madeira tenha sido extraída ilegalmente. A PF irá avaliar a possível ocorrência de outros crimes. Mais de 100 m³ de madeira apreendida serrada foram doados à Secretaria Municipal de Educação de Altamira (PA) e à Associação de Moradores da Reserva Extrativista do Iriri e será destinada à construção de escolas nas Unidades de Conservação da Terra do Meio e escolas rurais.

A ação também combateu a pesca proibida, a poluição e a fraudes no sistema de controle da matéria-prima florestal. A Operação Custódia contou com o apoio da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai) e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).MEDEIREIRA IBAMA

Fonte:  Assessoria de Comunicação do Ibama/ Publicado Por: Jornal Folha do Progresso em 22/10/2023/10:35:18

Notícias gratuitas no celular

O formato de distribuição de notícias do Jornal Folha do Progresso pelo celular mudou. A partir de agora, as notícias chegarão diretamente pelo formato Comunidades, uma das inovações lançadas pelo WhatsApp. Não é preciso ser assinante para receber o serviço. Assim, o internauta pode ter, na palma da mão, matérias verificadas e com credibilidade. Para passar a receber as notícias do Jornal Folha do Progresso, clique no link abaixo e entre na comunidade:

*     Clique aqui e acesse a comunidade do JORNAL FOLHA DO PROGRESSO

Apenas os administradores do grupo poderão mandar mensagens e saber quem são os integrantes da comunidade. Dessa forma, evitamos qualquer tipo de interação indevida. Sugestão de pauta enviar no e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com.

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835– (93) 98117 7649.
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

https://www.folhadoprogresso.com.br/o-crescimento-imparavel-dos-cassinos-online-no-brasil-analise-e-perspetivas/




Bebê de 3 meses morre após ser arremessado do colo da mãe que foi atropelada por moto em Óbidos

Hospital Municipal de Óbidos, no PA — Foto: Reprodução/Redes sociais

A criança chegou a ser socorrida, mas não resistiu ao impacto da batida. A mãe do bebê foi levada para o Hospital Municipal e posteriormente transferida para Santarém.

Um acidente de trânsito resultou na morte de um bebê de 3 meses na sexta (13) em Óbidos, no oeste do Pará. Um motociclista atropelou a mãe do bebê. Com o impacto da batida, o bebê foi arremessado do colo da mãe.

A mulher caminhava pela avenida Siqueira Campos, na frente da cidade, com o bebê no colo quando foi atingida por um motociclista, que de acordo com testemunhas, conduzia o veículo com sinais de embriaguez.

O bebê ainda chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu ao acidente e faleceu.

A mãe do bebê foi levada para o hospital da cidade e posteriormente encaminhada para o hospital de Santarém.

Por:Jornal Folha do Progresso em 15/01/2023/07:34:26

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

https://www.folhadoprogresso.com.br/explorar-o-novo-de-jogo-crash-space-xy-da-bgaming/




Prefeitura de Óbidos lança edital do concurso público com 409 vagas; inscrições começam em janeiro

Município de Óbidos, no oeste do Pará — Foto: Ascom PMO / Divulgação

Certame visa a contratação de profissionais para o preenchimento de 59 cargos, nos níveis fundamental, médio, médio técnico e superior.
A Prefeitura de Óbidos, no oeste do Pará, publicou nesta sexta-feira (30) o edital do concurso público que será realizado no município em 2023. Este será o 7º certame realizado pela administração municipal para a efetivação de servidores públicos.

Estão sendo ofertadas 409 vagas distribuídas em 59 cargos, nos níveis fundamental, médio, médio técnico e superior.

As inscrições iniciam em 9 de janeiro e seguem até 13 de fevereiro de 2023, com valores que variam de acordo com os cargos pretendidos, entre R$ 60 e R$ 100.

Os salários variam de R$ 1.212,00 e R$ 3.461,40, podendo ser acrescidos de gratificações ou outras vantagens legais, dependendo do cargo.

O prefeito Jaime Silva, anunciou a publicação do edital do concurso na manhã desta sexta-feira, nas redes sociais. Jaime, que já foi prefeito em outras duas oportunidades, lembrou que este é o 6º concurso que ele realiza.

“Esse concurso público era muito esperado e agora estamos concretizando a realização com a publicação do edital. A gente torce que todos aqueles que forem aprovados sejam do nosso município. Pra isso é preciso que vocês estudem, para que sejam abençoados na classificação do concurso público”, disse.

Inscrições

A partir de 9 de janeiro, os interessados podem se inscrever no concurso, pela internet, no endereço fundacaocetap.com.br, empresa vencedora do processo licitatório para organizar o certame.

Será cobrada uma taxa de R$ 60 para os cargos de nível fundamental, R$ 75 para os cargos de nível médio e médio técnico, e R$ 100 para os cargos de nível superior.

Tem direito à isenção da taxa pessoas com deficiência e candidatos que comprovarem não ter condições de arcar com as taxas. O período de pedido de isenção da taxa de inscrição será nos dias 9 e 10 de janeiro de 2023.

Etapas do concurso

O concurso público será realizado em duas etapas, a primeira é a Avaliação de Conhecimentos, com prova objetiva de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório, a ser realizada para todos os cargos de níveis fundamental, médio, médio técnico e superior. A prova será composta por 50 questões, conforme previsto no edital.

Pelo cronograma estabelecido, a data para realização das provas será nos dias 11 e 12 de março de 2023. As provas serão realizadas em dois dias, permitindo que os candidatos possam concorrer a até três vagas, entre os níveis ofertados.

Já a segunda etapa, será a Avaliação de Títulos, de caráter classificatório e realizada apenas para os cargos de nível superior.

Edital

As informações completas com os cargos disponíveis e as áreas de atuação podem ser acessadas no site da Prefeitura de Óbidos: obidos.pa.gov.br, na aba publicações oficiais, ou no site da Fundação Cetap.

Por:Jornal Folha do Progresso em 02/01/2023/12:35:22

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

https://www.folhadoprogresso.com.br/quais-jogos-voce-deve-jogar-em-um-cassino-pin-up/

 




Tambaqui de 32 kg é leiloado por mais de R$ R$ 4.500 no Pará

O Leilão dos animais aconteceu durante a Festividade de Santa’ Ana.  (Foto: Reproduçao)

O peixe chamou atenção pelo tamanho e pelo preço.
O tambaqui é um dos peixes da Amazônia com maior valor nutricional. Podendo chegar a 90 cm de comprimento e mais de 30 kg de peso, ele é muito apreciado por seu sabor marcante e por ter poucas espinhas.

No último domingo (24) aconteceu a Festividade de Santa’ Ana, em Óbidos, oeste do Pará. Durante o festival, chamou a atenção a venda de um tambaqui de 32 kg por R$ 4.500. Além do tambaqui, também foi vendido um pirarucu de 70kg, por R$ 2mil.

Todos os animais foram doados por pecuaristas da região. As vendas fizeram parte do Leilão de Animais da festa, onde vários animais foram vendidos para arrecadar dinheiro para obras na Diocese de Óbidos.

Segundo os organizadores do evento,  foram leiloados 100 animais, sendo que o valor arrecadado foi de R$510.110, sendo que R$ 499.210 para a Festividade de Sant’Ana; R$ 3.700,00 para a Fazenda da Esperança e R$ 7.200,00 para a Santa Casa de misericórdia de Óbidos.tamba_00743305_0_
Fonte:Dol e O Impacto
Por:Jornal Folha do Progresso em 25/07/2022/18:17:36

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

https://www.folhadoprogresso.com.br/conheca-quem-cria-o-fundo-musical-para-os-principais-slots/

 




Sespa irá monitorar quatro municípios por doença de chagas no oeste do Pará

As principais espécies de barbeiro que transmitem a doença de Chagas no Brasil são: T. brasiliensis, Panstrongylus megistus, T. pseudomaculata e T. sordida. | (Foto: Reprodução )

Foram nove novos casos da doença na região em junho.

No período de 04 a 12 de agosto, uma equipe do 9ª Centro Regional de Saúde (9º CRS) da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) estará nos municípios de Prainha, Monte Alegre, Alenquer e Curuá, no oeste do Pará, para realizar monitoramento, avaliação e capacitação nas ações de prevenção e controle dos casos investigados de doença de chagas nessas cidades. Em junho deste ano, a Sespa confirmou nove novos casos da doença na região.

E desde o surgimento de cinco casos de doença de chagas, no município de Monte Alegre, quando membros de uma mesma família apresentaram sintomas da doença, que a Sespa, por meio da Diretoria de Vigilância em Saúde e o Departamento de Controle de Endemias, realiza um trabalho educativo de prevenção junto à população paraense sobre a importância dos cuidados com a alimentação. A transmissão oral pela ingestão de alimentos contaminados, principalmente o açaí, é uma das formas de contágio da doença.   (Com  informações do portal oestadonet)
Por:Jornal Folha do Progresso em 22/07/2022/11:52:52

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

https://www.folhadoprogresso.com.br/moda-masculina-anos-80-saiba-quais-foram-as-tendencias-masculinas/

 




Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão em Santarém e Novo Progresso

Operação Cassiterite 27 cumpre mandados de busca e apreensão em Santarém e Novo Progresso — Foto: Polícia Federal/Divulgação

A investigação policial aponta que aproximadamente 27 toneladas de cassiterita foram extraídas de local não autorizado.

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira (6), a operação Cassiterite 27, de repressão a extração ilegal do minério de cassiterita. A operação cumpre mandados de busca e apreensão nas cidades de Santarém e Novo Progresso, no oeste do Pará. Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara Federal Cível e Criminal da Subseção Judiciária de Santarém.
Leia Também:Polícia Federal cumpre mandados em Novo Progresso em repressão ao desmatamento ilegal

A investigação policial aponta que aproximadamente 27 toneladas de cassiterita foram extraídas de local não autorizado, visto que a documentação apresentada pelos transportadores apresentavam informações falsas quanto à origem do minério, o qual estava sendo transportado para cidade de Manaus/AM, para fins de exportação. Estima-se o valor de 3 milhões de reais para a carga de cassiterita que seria exportada.

Os crimes investigados no Inquérito Policial correspondente são os de usurpação de bens da União, inserto no artigo 2º, caput, da Lei 8.176/1991 – Lei dos Crimes contra a Ordem Econômica, o de transporte e comercialização ilegal de bens da União, inserto no artigo 2º, § 1º da mesma lei, cujas penas variam de 1 a 5 anos de detenção e o crime falsidade ideológica, inserto no artigo 299 da Lei 2.848/1940 – Código Penal, cuja pena varia de 1 a 5 anos de prisão.

Por:Jornal Folha do Progresso em 04/07/2022/08:13:59
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

https://www.folhadoprogresso.com.br/liderancas-negras-programa-gratuito-recebe-inscricoes-ate-sabado-09/

 




Mais de 200m³ de madeira são apreendidos e serraria é desativada na região do Chapadão

Policiais da 1ª CIPAMB encontraram 123 m³ de madeira beneficiada e 80 m³ de madeira em tora no local — (Foto: Divulgação/1ª CIPAMB)

Mais de 200m³ de madeira são apreendidos e serraria é desativada na região do Chapadão
Flagrante ocorreu na manhã de quarta-feira (16). Proprietário da serraria clandestina não foi localizado.

Uma serraria clandestina foi desativada pela 1ª Companhia Independente de Policiamento Ambiental (1ª CIPAMB), na região do Chapadão em Santarém, Oeste do Pará. Durante o flagrante realizado na manhã de quarta-feira (16), foram encontrados 123 m³ de madeira beneficiada e 80 m³ de madeira em tora.

A operação Cálice tem objetivo de reprimir crimes ambientais na região oeste do estado, com foco no combate ao desmatamento e beneficiamento de madeira ilegal.

Diante das investigações, a 1ª CIPAMB foi até o local que estava sendo investigado para confirmar as denúncias. Após a constatação de que o local operava sem autorização, a madeira foi apreendida.

Jornal Folha do Progresso em 05/03/2022/07:37:57

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br   e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

https://www.folhadoprogresso.com.br/avamec-disponibiliza-especializacoes-lato-sensu-gratuitas-para-professores/




Passageiros que chegam em Belém oriundos do AM ou do Oeste do Pará ficarão isolados por 14 dias

(Foto:Marco Santos / Agência Pará) – Medida visa conter propagação da nova cepa da covid identificada nas regiões; hoje, oito casos foram confirmados em Belém

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) recomenda que a população evite viajar rumo ao Oeste do Pará, onde 15 municípios estão em lockdown.

A Diretoria de Vigilância e Saúde (DVS) emitiu nota técnica com ações de prevenção, em portos e aeroportos do Pará, indicadas a passageiros oriundos de Manaus e do Baixo Amazonas.

A partir desta sexta-feira (5), 47 profissionais da Vigilância Sanitária cumprirão revezamento para fazer a barreira sanitária no Aeroporto Internacional de Belém pelos próximos 30 dias.

Esse será o primeiro momento da ação, que ainda será extensiva aos portos.A medida foi tomada após a confirmação de dois casos da nova cepa da covid-19, identificados pelo Instituto Evandro Chagas, no município de Santarém, no último dia 29 de janeiro.

As recomendações, no entanto, foram emitidas antes da confirmação de oito casos da variante em Belém nesta sexta-feira (5). A variante, que circula no Amazonas, foi apontada como uma das razões para o colapso no sistema de saúde do estado vizinho.

De acordo com a nota técnica, a recomendação ainda prevê que, antes da viagem, passageiros e tripulantes observem possíveis sinais e sintomas da covid-19. Caso apresentem sintomas leves, devem cumprir isolamento domiciliar por 14 dias, não devendo viajar. Se o quadro evoluir para febre, tosse ou falta de ar, devem procurar a unidade de saúde mais próxima.

No Aeroporto Internacional de Belém, os passageiros oriundos do Amazonas e da região do Baixo Amazonas serão submetidos à entrevista pelas equipes da Sespa, em que esclarecerão se tiveram contato prévio com pessoas suspeitas e/ou doentes e se apresentaram sintomas nos últimos sete dias, como tosse, dificuldade para respirar, congestão nasal ou conjuntival, dificuldade para deglutir, dor de garganta, coriza, saturação de oxigênio menor que 95, temperatura acima de 37,5º C, dor abdominal, diarreia, enjoo e vômito.

“Todos os passageiros dessas regiões que desembarcarem em Belém terão que cumprir um isolamento social por 14 dias, tendo ou não sintomas, em endereço fixo e informado no termo de notificação, em que darão ciência quando chegarem no aeroporto”, esclarece a diretora de Vigilância Sanitária da Sespa, Milvea Carneiro.

O viajante que apresentar sintomas no aeroporto deverá ser encaminhado diretamente à unidade de assistência à saúde. Técnicos da Sespa farão o monitoramento das condições de saúde dos passageiros que desembarcarem em Belém.O trabalho da Sespa no aeroporto deve ser ininterrupto durante todos os horários de desembarque de passageiros provenientes do estado do Amazonas e da região oeste do Pará.

Por:Redação Integrada, com informações da Agência Pará

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

https://www.folhadoprogresso.com.br/fies-2021-1-pre-selecionados-tem-ate-hoje-para-complementar-inscricao/