Casal maratona série enquanto criança morre esquecida no carro

image_pdfimage_print

Mãe e o namorado são acusados de homicídio culposo após a morte da menina de três anos.

Laura Black, 37, e Aaron Hill, 29, segundo a polícia, deixaram Rylee Rose Black, de 3 anos, dentro de um Toyota Prado em Queensland, Austrália, durante a maior parte do dia sob a temperatura passando dos 30°.

Rylee foi levada às pressas para o Hospital da Universidade de Townsville, mas não resistiu. O casal foi preso.

Eles deveriam comparecer perante o Tribunal de Magistrados de Townsville na sexta-feira, 27, mas o advogado de Black pediu que o caso fosse adiado até 14 de dezembro, relatou o Townsville Bulletin.

Hill não é o pai biológico de Rylee e acredita-se que tenha namorado Black por apenas dois meses. Ambos foram detidos e permanecem sob custódia.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Os investigadores disseram que a dupla não tinha passagem pela polícia.

Em um comunicado, a polícia de Queensland disse: “A polícia foi notificada por volta das 15h30 desta tarde, quando uma mulher de Burdell de 37 anos e um homem de Burdell de 29 anos levaram a garota para o Hospital da Universidade de Townsville”, disse a polícia de Queensland em um declaração.

Segundo a polícia, o casal brigou depois de deixar as três irmãs mais velhas de Rylee na escola, enquanto a de 3 anos adormeceu em sua cadeirinha, no banco de trás do carro. Depois de estacionar o veículo na garagem, por volta das 9h, o casal entrou para começar a assistir uma série, deixando Rylee no carro.

“Investigações preliminares indicam que a criança foi deixada dentro de um veículo trancado durante a maior parte do dia”, disse a polícia.

Conselho
O detetive da Unidade de Proteção e Investigação Infantil de Townsville, sargento Dave Miles, disse que era “uma tragédia muito evitável e infeliz”.

Ele disse: “Os carros esquentam muito rapidamente e o corpo humano é suscetível a mudanças dramáticas de temperatura. O melhor conselho é não deixar crianças ou animais de estimação em veículos motorizados parados, sem ventilação, sem ar condicionado, principalmente nos trópicos”.

Os irmãos da menina estão agora sob os cuidados de seu pai biológico.

Redes sociais
As páginas de mídia social do casal mostram que ambos têm filhos de relacionamentos anteriores.

Black tem quatro filhas e Hill tem duas filhas.

Enquanto isso, os amigos deram mensagens de apoio no Facebook.

Um descreveu Hill, que trabalha como perfurador em uma mina em Mt Isa, como um “grande pai”.

Uma pessoa postou: “Com o coração partido, aquela pobre menina ficou sozinha em seus estágios finais.

Este é o terceiro incidente desse tipo em Queensland desde o ano passado.Mais de 5.000 crianças são resgatadas a cada ano na Austrália depois de serem deixadas em carros.

 
Foto:Arquivo pessoal
Por: Redação Integrada com informações do The Sun/ O Liberal

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: