Confira como é feita a logística de entrega e escolta de vacinas no Pará

image_pdfimage_print

Transporte de vacinas pelo Graesp (Foto:Igor Mota / O Liberal)

Dois primeiros voos com as doses chegaram na noite de segunda-feira no Estado

Coordenado pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), uma força-tarefa entre profissionais de saúde e segurança pública é quem estrutura o plano de distribuição das 173.240 doses da vacina Coronavac pelo Pará.

O trabalho é feito pelo meio terrestre, aéreo e fluvial, realizando o transporte e a escolta dos imunizantes. Um total de 1,2 mil agentes estão envolvidos na operação.

A vacina, desenvolvido pelo Instituto Butantan (SP) e pelo laboratório chinês Sinovac, chegou ao Estado por volta de 23h dessa segunda-feira (18). Pelo ar, o Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp) realizou os dois primeiros voos que ocorreram às 3h da manhã desta terça (19), com destino a Marabá e Conceição do Araguaia, transportando mais de 15 mil doses.

Ao longo do dia, as oito rotas restantes estão sendo realizadas, a fim de atender a todos os Centros Regionais de Saúde da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), levando o imunizante para localidades mais distantes, como a região do Marajó, Oriximiná, Santarém, Altamira, Prainha, Monte Alegre e Cametá, por exemplo.

No total, foram montados dez planos de voo que utilizarão oito aeronaves, sendo cinco aviões de asa fixa e três aeronaves de asas rotativas. A Polícia Militar fará a escolta, em duas viaturas, para cada veículo da pasta de Saúde que estarão com as vacinas.

As vacinas serão conduzidas até os CRS da Sespa, localizados nas principais cidades do Estado, e cada Prefeitura será responsável pelo deslocamento e aplicação dos imunizantes. Nos locais onde geograficamente os acessos são feitos pelos rios, o Grupamento Fluvial de Segurança Pública (Gflu) contribuirá para levar os isopores contendo as vacinas até as comunidades ribeirinhas.Segundo o titular da Segup, toda a estrutura de segurança pública estará disponível e sendo empregada.

“Nós estaremos atuando com todas as aeronaves do Graesp, cerca de dez, para levar as vacinas a todos os municípios do estado do Pará, além do Grupamento Fluvial. As polícias estão atuando de forma integrada na escolta, no apoio logístico e também na segurança”, disse o secretário de Segurança Pública e Defesa Social do Pará, Ualame Machado.

Por:Redação Integrada, com informações da Agência Pará

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: