Indígena morre vítima de meningite bacteriana no Pará

image_pdfimage_print

(Foto:Reprodução)- Mulher vivia na terra indígena Apterewa, próximo ao município de São Félix do Xingu.

Indígena Parakanã diagnosticada com meningite bacteriana morre em hospital no Pará

Uma indígena Parakanã, diagnosticada com meningite bacteriana, morreu nesta quarta-feira (20) por causa de complicações da doença, em Altamira, sudoeste do Pará.

A paciente, de 22 anos, estava internada no Hospital Regional de Transamazônica desde a última semana, e vivia na terra indígena Apterewa, próximo ao município de São Félix do Xingu.

As pessoas que tiveram contato com a indígena nos hospitais e na tribo receberam medicações de forma preventiva. Não houve registros de novos casos, mas a situação está sendo monitorada pelo Distrito Sanitário Indígena, que descarta ocorrência de surto.

Um outro indígena, da etnia Xicrin, estava internado no Hospital Municipal de Altamira com meningite viral e já recebeu alta.
Por G1 PA — Belém
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: