PM evita furto a caixa eletrônico em Paragominas e prende acusados

image_pdfimage_print

Uma denúncia anônima permitiu que a Polícia Militar agisse com rapidez e eficiência.

Uma denúncia que chegou ao 19° Batalhão de Polícia Militar, localizado no município de Paragominas, no sudeste paraense, permitiu aos policiais militares frustrarem, na tarde desta terça-feira (8), uma tentativa de furto a um caixa eletrônico do Banco do Brasil, instalado dentro da Prefeitura Municipal. Após receberem a informação, o Núcleo Integrado de Operações (NIOp) foi acionado, e uma viatura que estava de prontidão se deslocou até a sede da Prefeitura, mas os suspeitos já haviam saído do local. Após terem acesso às câmeras de segurança, os policiais identificaram os envolvidos na tentativa de furto e o veículo utilizado.

Por meio do sistema de radiocomunicação todas as viaturas foram acionadas e uma segunda guarnição da PM localizou o carro próximo a um ponto de táxi. Após informação de populares, os envolvidos foram encontrados e detidos em uma panificadora do município. Com os acusados foram encontrados instrumentos como alicate, furadeira, chave de pressão, chave de fenda e papéis de levantamento de sítios na área da cidade.

Os acusados foram levados à 13ª Seccional de Polícia para os procedimentos previstos em lei. Um dos envolvidos tem mandado de prisão expedido pela Justiça. Ambos são do Estado de Mato Grosso e já possuem registros por furtos em agências bancárias no Mato Grosso e Amapá. Após averiguação, foi verificado que os acusados podem estar envolvidos em outros delitos, o que está sendo investigado pela Polícia Civil. Continuam as buscas por mais dois envolvidos.

O secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado, reforçou a importância da participação da sociedade no combate ao crime. “Nós reduzimos a violência em várias frentes, em crimes violentos, roubos e furtos. Não é diferente com agências bancárias, que estamos com uma redução de 80%. Isso demonstra as ações eficazes de inteligência e integração entre os órgãos para prevenir que crimes, como esse, aconteçam. Somado a isso, é importante também que a população, que tá na rua, que tá na ponta, colabore com o trabalho dos agentes de segurança pública”, ressaltou.

Denúncia – Os canais oficiais disponibilizados pelo sistema de segurança para denunciar crimes que podem ser investigados, que já aconteceram e suspeitas de atos ilícitos são: 181 para ligação convencional, o whatsapp 91 98115-9181 e o chatbot, além de formulários disponíveis no site segup.pa.com.br.

Em todos esses canais o sigilo e o anonimato são garantidos. Para o atendimento emergencial, em casos de crimes que estejam ocorrendo em tempo real, o Centro Integrado de Operações (CIOp) deve ser acionado pelo 190.

 

 

Foto: reprodução/PM
Fonte: Aline Saavedra (SEGUP) – Agência Pará

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: