Ambulância desaparece em MS com motorista, médico, enfermeiro e paciente com Covid-19

image_pdfimage_print

Ambulância da secretaria municipal de Saúde de Aral Moreira que desapareceu ao levar paciente para a UTI na cidade de Naviraí — Foto: Secretaria municipal de Saúde de Aral Moreira/Foto:Divulgação

Veículo saiu de Aral Moreira, no sul do estado, na noite de segunda-feira (4) para levar paciente com Covid-19 em estado grave a hospital de Naviraí, mas não chegou ao seu destino.

Uma ambulância com quatro pessoas desapareceu na madrugada desta terça-feira (5), na BR-163, em Mato Grosso do Sul. No veículo estavam o motorista, um médico e um enfermeiro, além de uma paciente, de 72 anos, que em estado grave por causa da Covid-19, era transferida de Aral Moreira, para uma unidade de terapia intensiva (UTI), em Naviraí, a cerca de 203 quilômetros de distância.

Segundo a secretaria de Saúde de Aral Moreira, a ambulância saiu do hospital municipal Santa Luzia por volta das 23h33 de segunda-feira (4). A previsão é que a viagem até Naviraí durasse no máximo três horas e meia, mas o veículo não chegou ao seu destino. No momento da viagem chovia muito na região e a estrada é muito sinuosa.

Como a ambulância não chegou a Naviraí e todas as tentativas de contato com os ocupantes do veículo por telefone celular não deram certo, a prefeitura de Aral Moreira mobilizou vários órgãos de segurança como Corpo de Bombeiros e as polícias Militar, Civil, Militar Rodoviária e Rodoviária Federal, além de suas próprias equipes nas buscas.

Durante o trabalho, um carro da prefeitura, com dois homens, capotou na BR-163, na manhã desta terça. Os dois ficaram feridos e foram encaminhados para o hospital de Aral Moreira.

carro3
Carro da secretaria de Saúde de Aral Moreira que era utilizado nas buscas a ambulância que desapareceu capotou na manhã desta terça-feira, na BR-163 — Foto: A GazetaNews/Divulgação

Nas buscas, as forças de segurança refazem o trajeto que a ambulância deveria ter percorrido e analisam imagens de câmeras de segurança de estabelecimentos próximos.

Por Flávio Dias, G1 MS

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: