Sérgio Moro pede exoneração do cargo de professor

image_pdfimage_print

Juiz lecionava na Universidade Federal do Paraná desde 2007
(Foto  Reprodução) – O juiz federal Sérgio Moro foi exonerado do cargo de professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR), conforme portaria publicada nesta quinta-feira (15) no Diário Oficial da União (DOU).

A dispensa foi um pedido do próprio juiz, conforme a portaria assinada pelo pró-reitor de Gestão de Pessoas da UFPR, Douglas Ortiz Hamermuller. Ele já não faz parte do quadro desde o dia 8 de março.

Moro lecionava desde novembro de 2007 no departamento de Direito Penal e Processual Penal no Setor de Ciências Jurídicas da instituição e estava licenciado das funções em razão da Operação Lava Jato, desde o fim de 2016.
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO no (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.
Por: Portal ORM com informações do Globo
“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: