165 kg de carne de jacaré são incineradas após apreensão em Santarém

image_pdfimage_print

O crime contra a fauna prevê multa de R$ 500 por indivíduo. Ao proprietário da embarcação foi lavrada multa de R$ 8.500.

Uma embarcação foi flagrada com 165Kg de carne de jacaré na Comunidade Costa do Arapiri, em Santarém, no oeste paraense. A apreensão foi feita pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) e 1ª Companhia Independente de Policiamento Ambiental da Polícia Militar do Estado do Pará (1ª Cipamn/PMPA) após denúncias feitas por moradores da região do Rio Amazonas.

Na embarcação estavam duas pessoas, sendo uma menor de idade. A navegação, segundo a Semma, é do município de Cametá, nordeste paraense.

Foram encontradas sete unidades de jacarés das espécies Açú e Tinga, já sem vida. A carne apreendida foi incinerada na manhã desta quinta-feira (03) em forno de frigorífico da cidade.

Segundo Lindemberg Medeiros, sgto da 1ª Cibamb/PMPA, “foi realizado todo um procedimento e estamos finalizando aqui com a incineração do material. Isso é crime ambiental”.

Os animais eram vendidos a R$ 1 o quilo na região de Santarém e a R$ 5 em outras regiões fora do município. O crime contra a fauna prevê multa de R$ 500 por indivíduo. Ao proprietário da embarcação foi lavrada multa de R$ 8.500.

 
Foto: Semma/Divulgação
Fonte: Diário Online com informações daSemma

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: