Cobrador é morto com tiros no rosto em caso de latrocínio em Terra Alta

image_pdfimage_print

(Foto:Reprodução)-Segundo testemunhas, o homem foi morto por dois homens em uma motocicleta, que levaram o dinheiro que ele transportava

O pai de Reinaldo de Souza de Paula teve que buscar forças para ir até a Seccional de Terra Alta comunicar a morte de seu filho, que perdeu a vida em um latrocínio no final da manhã desta sexta-feira (06), na zona rural do município do nordeste paraense.

Segundo o relato do homem, era por volta de 11h quando ele ficou sabendo que seu filho havia sido morto a tiros por dois homens que estavam em uma motocicleta. Chegando ao local, na zona rural de Terra Alta, ele confirmou a triste notícia. Reinaldo foi morto com tiros no rosto e teve o corpo jogado em um matagal.

Reinaldo de Paula trabalhava como cobrador para empresas que, segundo o pai da vítima, são de propriedade de imigrantes bolivianos que moram em Castanhal, onde Reinaldo também morava. Ele tinha feito cobranças em Curuçá, que também fica na região da cidade de Castanhal e, certamente, estaria transportando dinheiro quando foi morto, o que reforçou a tese de latrocínio.

A última cobrança de Reinaldo teria sido feita com uma comerciante da localidade de Mocajubinha, onde o pai dele mora em Terra Alta. O homem disse que ao passar pelo local, seu filho acenou para ele foi embora, como costumava fazer, e essa foi a última vez que ele viu Reinaldo com vida. O cobrador foi morto alguns quilômetros depois no Ramal Novo Progresso, que fica no Bairro Novo.

Ainda segundo o que foi informado pelo pai da vítima à polícia, seu filho não andava armado para fazer as cobranças. A Polícia agora tenta entender que tipos de serviço a vítima prestava aos seus patrões, bem como encontrar os criminosos que mataram e roubaram Reinaldo. Até o momento, ninguém foi preso.

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

 

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: