Frigorífico Redentor afunda em dividas e põe a cidade no caos econômico.

image_pdfimage_print

Em Guarantã do Norte (MT), Frigorífico deve R$ 68 milhões e tenta negociar com credores (Foto:Reprodução)
O Frigorífico Redentor  assumiu publicamente nesta terça-feira (15), durante reunião com credores, em Guarantã do Norte (MT),  que tem dividas com os fornecedores, que a empresa passa por dificuldade e fez proposta para pagar os credores.
Uma comissão se reuniu com a direção da unidade frigorífico a fim de resolver o impasse e receber o dinheiro da venda dos bois.
Em Guarantã extima-se que cerca de 284 pecuaristas da região norte de Mato Grosso, estão a  mais de s meses 2 meses sem receber dinheiro pela venda de animais à indústria frigorífico. Os manifestantes estimam que o débito da empresa é de R$ 68 milhões.

Novo Progresso
A unidade “Frigorífico Redentor de Novo Progresso”, esta sem funcionar a três meses, abatendo em média de 200 cabeças de bovinos dia, a empresa dispensou os funcionários sem pagar férias, o salário recebem sem trabalhar. Argumentam que a empresa não tem dinheiro para acertar com eles, este é o motivo de não ter demitido, disse, um funcionário, indignado com a situação.

Pecuaristas estão sem receber a mais de três meses, a estima-se que chega a mais de 18 milhões a divida da unidade de Novo Progresso com os fornecedores.
Caminhões que fizeram fretes para o frigorífico também estão inadimplentes, empresas terceirizadas e outros fornecedores estão sem receber, um caos econômico foi generalizado na cidade, devido a inadimplência do frigorífico aos produtores não pagamos o banco e os fornecedores, a situação está generalizada, argumentou pecuarista ao Jornal Folha do Progresso.

Para o empresário Genivaldo. S. Gomes, do setor da agropecuária , o caos econômico na cidade por conta da inadimplência, os produtores não recebem e não paga, com isto nós também estamos adiando as contas, um verdadeiro caos por conta da quantidade de credores, este dinheiro girava na cidade, reclamou.

Frigorífico REDENTOR (Foto Jornal Folha do Progresso)
Frigorífico REDENTOR (Foto Jornal Folha do Progresso)

Proposta
Após o encontro com a gerencia em Guarantã do Norte-MT , na tarde desta terça-feira(15), os produtores divulgaram a proposta da empresa.
Segundo eles os  vencimentos ate R$ 200.000,00 (Duzentos Mil Reais), serão pagos em 5 semanas toda quarta 20% por semana e juros de 2.5% a ser pagos na última parcela . Os vencimentos maiores serão pagos em 5 parcelas iguais a partir do dia 6/11 , enquanto aos  juros na última parcela .
A gerencia de Guarantã divulgou para os credores de Novo Progresso que na próxima semana uma equipe estará na cidade para negociar com os credores da região.

Assista ao Vídeo;

 

 

Por:JORNAL FOLHA DO PROGRESSO
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:folhadoprogresso@folhadoprogresso.com.br e/ou e-mail: adeciopiran_12345@hotmail.com

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: