Pará confirma dois casos da nova variante brasileira do coronavírus

image_pdfimage_print

Anuncio foi feito pelo governador do Estado, Helder Barbalho, pelas redes sociais.
PA confirma três casos de coronavírus com a variante do Amazonas — Foto: Reprodução

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), confirmou nesta sexta-feira (29) os dois primeiros casos no estado da nova variante brasileira do coronavírus identificada no Amazonas. Segundo especialistas, a nova variante pode ter maior potencial de transmissão.

A confirmação foi feita pelo Instituto Evandro Chagas (IEC), em Belém. A presença da nova variante foi detectada em amostras de dois pacientes que tiveram Covid-19 no município de Santarém, no oeste do estado. É a segunda vez que a variante foi confirmada fora do Amazonas. Além do Pará, São Paulo possui casos confirmados.

Os pacientes são:

Homem, de 58 anos
Mulher, de 26 anos

O governo do Pará, no entanto, não informou o estado de saúde dos pacientes. Também não há confirmação se os pacientes se infectaram pela primeira vez ou se foi um caso de reinfecção.

Nova variante tem potencial de reinfecção
Especialistas que acompanham a evolução do novo coronavírus afirmam que a variante chamada de P.1, identificada em Manaus no começo do ano, tem potencial para infectar pessoas que já tiveram a Covid-19. Entretanto, a análise exige cautela e os pesquisadores aguardam estudos conclusivos.

A imunologista Ester Sabino, pesquisadora do Instituto de Medicina Tropical-USP, participou de um artigo internacional sobre o “ressurgimento” da Covid-19 em Manaus, publicado na revista científica “The Lancet”.

Uma das possibilidades avaliadas pelos cientistas é que as novas linhagens do SARS-CoV-2 podem escapar da imunidade gerada em resposta à infecção anterior. O artigo já relata que houve ao menos um caso de reinfecção em Manaus associado à linhagem P.1.

Pará registra recorde de mortes nesta sexta
O Pará registrou, no boletim desta sexta-feira (29), mais 40 mortes provocadas pela pandemia no novo coronavírus, além de 1.519 novos casos da doença. Agora, o estado chega a 328.800 casos e 7.618 óbitos.

De acordo com Secretaria de Saúde do Pará (Sespa), foram registrados 117 novos casos e 11 óbitos nos últimos sete dias, além de 1.402 casos e 29 óbitos ocorridos em dias anteriores.

O Pará possui, até então, 307.390 recuperados, 51.874 casos descartados e 1.529 casos em análise.

Em relação à ocupação de leitos na rede estadual, o Pará tem 53% dos leitos clínicos e 82% das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) ocupados.

Governo decreta novas medidas de restrição
No Pará, decreto restringe horários de venda de bebidas alcoólicas

Para desacelerar o contágio da da Covid-19 no Pará, o governo do Estado anunciou na última quinta-feira (28) um decreto com novas medidas restritivas. O documento cancelou os pontos facultativos durante o carnaval, limitou venda de bebidas alcoólicas e fechou praias em todo o estado.

O decreto também alterou para laranja (risco médio) a classificação de risco de todo o estado. O governo já havia alterado a classificação da região do Baixo Amazonas para vermelho, que fica na divisa entre os estado do Pará e Amazonas.

Fica estabelecido segundo o decreto:
Só serão permitidos eventos privados para até 50 pessoas, assim como reuniões.
Eventos em bares e casas de shows permanecem proibidos, bem como realização de shows e festas.
Restaurantes podem funcionar apenas com 50% da capacidade. Bebidas alcoólicas só poderão ser consumidas até 22h.
Praias e balneários estão fechados às sextas, sábados, domingos e feriados.
Clubes estão proibidos de realizar atividades coletivas.
Órgão públicos funcionarão de 9h às 15h.
Aulas nas escolas públicas continuam suspensas.
Escolas privadas permanecerão abertas, prestigiando sistema remoto, escalonamento e rodízio de alunos em dias e turnos.
Salões de beleza e clínicas de estética somente com hora marcada.
Academias somente com hora marcada e sem sem aulas coletivas.
Lojas de conveniência só podem funcionar sem consumo de bebidas alcoólicas no local em qualquer hora; as vendas de quaisquer bebidas alcoólicas só será permitida apenas até 22h, inclusive em supermercados.
Supermercados devem permitir a entrada apenas de uma pessoa por grupo familiar.
estas em barcos serão fiscalizadas com a ajuda da Capitania dos Portos.

Por Caio Maia, G1 PA — Belém

29/01/2021 19h20
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: