Policial ameaça e agride mulher por causa de rede em barco no Pará

image_pdfimage_print

Caso aconteceu em um barco que faz o trajeto Breves, na ilha do Marajó, a Belém. A passageira estava a caminho da capital para uma consulta médica.  – (Foto:Reprodução)

Uma mulher foi ameaçada e agredida por um policial civil dentro de um barco na última quarta-feira (16) no Pará. Imagens feitas de celular por outros passageiros da embarcação mostram as agressões à vítima.

O caso aconteceu em um barco que faz o trajeto Breves, na ilha do Marajó, a Belém. A passageira estava a caminho da capital para uma consulta médica.

Segundo relatos da vítima, o desentendimento teria ocorrido devido a posição da rede dela no barco (como a viagem é longa, dura cerca de 12 horas, os passageiros podem pendurar suas redes pelo barco). O policial discordou do local onde a mulher colocou a rede dela e, como ela se recusou a retirar, ele a ameaçou e a agrediu.

A passageira foi retirada do barco e perdeu a consulta médica.
Em nota, a Polícia Civil lamentou o ocorrido e disse que instaurou pela Corregedoria um processo para apurar o caso. Além disso, o policial foi afastado e removido do local onde atua. A polícia disse ainda que não compactua com este tipo de atitude.

O governador do Estado, Helder Barbalho, se manifestou nas redes sociais e pediu apuração do caso.

Por G1 PA — Belém

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: