Sespa desmente circulação de nova cepa do coronavírus no Pará

image_pdfimage_print

Helder esteve esta sexta no Hospital 9 de Abril, em Juruti: segunda onda chegou ao Oeste do Pará (Foto:Agência Pará)

Em postagem feita ontem, governador disse que “segunda onda de contaminação do Novo Coronavírus chegou à região”

Em nota encaminhada a redação integrada de O Liberal, no início da tarde dessa sexta-feira, a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) minimizou declaração dada na noite dessa quinta-feira (21), pelo governador do Estado do Pará, de que uma “segunda onda de contaminação do Novo Coronavírus chegou à região” do Oeste do Pará, e descartou que entre, os aumentos de casos, estejam registos confirmados na nova cepa do coronavírus – que já foi identificada no vizinho estado do Amazonas e alerta autoridades santárias dos dois estados e do Brasil.

Em nota, encaminhada às 12h10 a Sespa disse que “A Secretaria de Estado de Saúde Pública informa que não há casos confirmados da cepa do coronavírus do Amazonas no Estado do Pará”.

A confirmação veio após a grande repercussão de postagem feita pelo governador Helder Barbalho, que visita a região oeste do Estado. Essa região tem vários municípios paraenses vizinhos ao estado do Amazonas, onde a nova cepa do coronavírus foi detectada e uma grave crise epidemiológica se instalou no últimos dias, inclusive com escassez nos estoques de oxigênio para atendimentos de casos de covid-19 e com altas nos índices de ocupações de leitos.

Eram 20h26 quando o governador Helder Barbalho citou gravidade da situação no oeste paraense. “É preciso que todos sigam as recomendações sanitárias, usem máscaras e respeitem o distanciamento social”, disse o governador, após publicar que lamentava informar que “no extremo Oeste do Pará, constatamos que a segunda onda de contaminação do Novo Coronavírus chegou” à região.

A mensagem, divulgada em sua conta no Twitter, teve grande repercussão, suscitando debates entre especialistas, e dívidas, na população em geral, se já se trataria da nova cepa do coronavírus, encontrada no Amazonas.

Muitos aguardavam, nessa sexta (22), um posicionamento da Sespa sobre o assunto.Governador visita região vizinha ao Amazonas

Na manhã desta sexta, Helder Barbalho visitou o Hospital 9 de abril, em Juruti. Na quinta-feira (21), o governador reuniu com prefeitos e esteve em Faro e Terra Santa para acompanhar a situação da saúde pública. O goverador ainda estará em Óbidos ainda hoje. Alguns dos municípios da região oeste do Pará também enfrentaram problemas com a falta de oxigênio e dificuldades logísticas nos insumos hospitalares, no últimos dias.

 

Em Faro, o governador acompanhou os atendimentos do Barco Hospital Papa Francisco, que o conduziu rio abaixo até o distrito de Nova Maracanã. A embarcação está com cinco pacientes sendo estabilizados em leitos clínicos. Com apoio do governo estadual, o município de Faro também recebeu 30 cilindros comprados pela prefeitura.

O hospital flutuante anunciou ainda ontem a transferência de nove pacientes para as redes de hospital do Estado. Dois pacientes seriam encaminahdos ao Hospital Regional Baixo Amazonas, em Santarém, e os outros sete receberiam assistência no Hospital 9 de abril, em Juruti.

Por:Redação integrada de O Liberal

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: