Preço da farinha preocupa produtores rurais no Pará

image_pdfimage_print

Os produtores estão preocupados com o preço do produto. | Foto:Divulgação/Embrapa

A variação no preço do produto preocupa os produtores ruraisAAssociação do Cariambá, com foco na produção na farinha de mandioca, aponta que os produtores rurais da região de Bragança, no nordeste paraense, estão preocupados com a variação de preço do produto.

De acordo com eles, a maior preocupação é “com o abandono que vive o produtor rural, principalmente da agricultura familiar, e isso se justifica no preço que foi vendido o saco de 60kg da farinha lavada”.

Para eles, até o final do mês de fevereiro deste ano, o quilo da farinha pode chegar a R$ 15,00 em Bragança e região. Caso aconteça, esse será o mesmo valor que chegou em 2013. Esse já é o preço vendido em Belém.

Além de pouca matéria prima plantada, ausência de investimento e a falta de tecnologia. Outra preocupação é a grande perda da produção de manivas para a “podridão” da raíz, doença que mais causa prejuízo nas roças.

O próximo plantio de manivas acontecerá apenas em maio, quando as chuvas do inverno paraense diminuem. É importante ressaltar que a mandioca é colhida somente dez meses após plantada. Portanto, a próxima colheita acontecerá em abril de 2022.

Por:Diário Online
Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: www.folhadoprogresso.com.br e-mail:folhadoprogresso.jornal@gmail.com/ou e-mail: adeciopiran.blog@gmail.com

 

 

error: Jornal Folha do Progresso
%d blogueiros gostam disto: